Últimas Notícias

Campeão olímpico na Rio-2016, Bruno Schmidt anuncia aposentadoria

Segurando às lagrimas e sorrindo, Bruno aparece à direita segurando a medalha. (Foto:Danilo Borges)


Bruno Oscar Schmidt, medalha de ouro na Rio-2016, anunciou na manhã de hoje (22) a aposentadoria do vôlei de praia. O anúncio foi feito durante entrevista ao Esporte Espetacular, da TV Globo. 

Ao lado de Alisson Cerutti, ele foi campeão olímpico em casa e ainda colocou o Brasil no lugar mais alto do pódio no vôlei de praia masculino depois de 12 anos, quando Ricardo e Emanuel foram campeões em Atenas-2004.

Segundo o próprio, a ideia da aposentadoria surgiu depois do título olímpico e que cresceu nos últimos três anos. Durante a entrevista, Bruno falou que já não tinha a mesma performance das temporadas 2015 e 2016 e isso ajudou na decisão. Agora, ele irá investir na carreira de advogado.

É uma decisão que venho tomando desde quando comecei a sentir minha queda de performance, datando perto de 2018, quando comecei a sentir muitas dores no joelho", contou Schmidt.

O atleta de 36 anos teve uma carreira vitoriosa, com título mundial sub-21 em 2006 ao lado de Pedro Solberg e um grande ano de 2015, onde ele também foi campeão mundial adulto e  conquistou o Circuito Mundial. Ele foi bicampeão do World Tour Finals (2015 e 2016), ouro nos Jogos Sul-Americanos de Santiago-2014 e campeão nos Jogos Mundiais Militares Wuhan-2019. Este último em parceria com Evandro.

Entre 2012 e 2013, quando votou a ser parceiro de Solberg, ele foi ouro nas etapas de Haia e São Paulo do Circuito e foi campeão do Circuito Brasileiro de vôlei de praia. Nos jogos de Tóquio-2020, quando defendeu a medalha de ouro, ele foi eliminado nas oitavas de final do torneio após perder para os letões Plavins e Tocs.

Antes dos Jogos de Tóquio-2020, ele foi infectado pela Covid-19 e teve que ser internado, passando cinco dias na UTI (Unidade de Terapia Intensiva). 

Bruno é sobrinho do maior cestinha do basquete pela FIBA, Oscar Schmidt, um dos maiores jogadores de todos os tempos. Ele também é sobrinho do atual apresentador do Big Brother Brasil, Tadeu Schmidt.

0 Comentários

.

APOIE O SURTO OLÍMPICO EM PARIS 2024

Sabia que você pode ajudar a enviar duas correspondentes do Surto Olímpico para cobrir os Jogos Olímpicos de Paris 2024? Faça um pix para surtoolimpico@gmail.com ou contribua com a nossa vaquinha pelo link : https://www.kickante.com.br/crowdfunding/ajude-o-surto-olimpico-a-ir-para-os-jogos-de-paris e nos ajude a levar as jornalistas Natália Oliveira e Laura Leme para cobrir os Jogos in loco!

Composto por cinco editores e sete colaboradores, o Surto Olímpico trabalha desde 2011 para ser uma referência ao público dos esportes olímpicos, não apenas no Brasil, mas em todo o mundo.

Apoie nosso trabalho! Contribua para a cobertura jornalística esportiva independente!

Digite e pressione Enter para pesquisar

Fechar