Griffin Colapinto vira no final e conquista a etapa de El Salvador da WSL


O estadunidense Griffin Colapinto venceu de virada o brasileiro Filipe Toledo 17.00 a 16.00 e conquistou nesta sexta (17), o título da etapa de El Salvador da WSL (Liga Mundial de Surfe). Esse é o segundo título dele na temporada 2022.


Ele precisou passar pela repescagem da etapa e eliminou na semifinal, o tricampeão mundial Gabriel Medina. Tanto a semifinal, quanto a final tiveram decisões polêmicas, com o público questionando se houve julgamento diferente entre os surfistas.


Filipe se mantém na liderança do campeonato e agora, o Brasil tem Ítalo Ferreira na quarta colocação, o que por enquanto, o coloca na etapa final do campeonato, em Trestles (USA)


Os dois surfistas começaram muito bem, fazendo duas ondas excelentes. Com um aéreo espetacular, Filipe fez 9.57 e com um belo surfe, Griffin fez 9.00.


Depois, o brasileiro conseguiu um 5.17 e o norte-americano fez 5.27, mantendo Filipinho a frente. Perto do fim, Toledo marcou um 6.43 em manobra com mais dois aéreos, empatando em 16.00 a 16.00 com seu adversário.


Por ter 9.57, Filipe estava na frente e Colapinto precisava de 7.01 para virar. Faltando três minutos para acabar, Griffin fez dois aéreos em uma onda baixa e tirou 8.00, ficando com o título.


No feminino, o título ficou com a australiana Stephanie Gilmore, que venceu a estadunidense Lakey Peterson por 13.00 (7.33 + 5.67) a 10.67 (6.67 + 4.00).


Foto: Pat Nolan/ WSL

Postar um comentário

To Top