Em evolução, Brasil fecha segunda semana da Liga das Nações na 3ª colocação geral

Seleção comemora a evolução na Liga das Nações. Foto: Wander Roberto/Inovafoto/CBV

O Brasil encerrou a segunda semana de competições na Liga das Nações com uma campanha idêntica a da semana anterior: foram três vitórias, contra Turquia, Países Baixos e Sérvia, e uma derrota, contra a Itália. A equipe de Zé Roberto Guimarães aproveitou o período em Brasília, no Ginásio Nilson Nelson, para dar rodagem ao time titular e inserir novas atletas aos poucos. 

Com um saldo positivo, a equipe terminou a semana em 3º lugar, com 18 pontos, atrás somente de Japão (23) e Estados Unidos (21). 

Classificação após a 2ª semana na Liga das Nações. Foto: reprodução VNL

Destaques

A maior novidade na equipe foi a volta de Gabi, ponteira campeã da Champions League pelo VakıfBank Spor Kulübü e eleita melhor atleta da competição. Além de reforço técnico, a jogadora também assumiu um papel de liderança, sendo a nova capitã e uma das mais experientes num elenco que passa por renovação. Em quatro jogos, marcou 55 pontos, sendo 51 de ataque, dois de bloqueio e dois de saque. Seu melhor jogo foi contra a Turquia, quando fez 20 pontos.  

A semana ainda teve boas atuações das jovens Júlia Begamann, Kisy e Diana. A primeira, apesar de perder a titularidade com a volta de Gabi, mais foi a atleta mais importante vindo do banco, mostrando segurança nos ataques e no passe. Já Kisy foi uma das maiores pontuadoras da semana, com 57 pontos, e Diana foi importantíssima nos saques e bloqueios. 

Destaque da semana anterior, Carol segue sendo a maior bloqueadora do torneio, com 40 pontos nesse fundamento, enquanto a segunda colocada, a turca Zehra Gunes, tem 29. 

Zé Roberto comanda a seleção feminina em mais um ciclo olímpico. Ao todo, são 19 anos como técnico da equipe. Foto: Wander Roberto/Inovafoto/CBV

Ponto de atenção

Apesar dos destaques individuais e da melhora no coletivo, a seleção ainda passa por certa instabilidade, como o torcedor pôde observar durante a dura derrota por 3x0 contra a Itália. Durante o jogo, o Brasil não conseguiu se recuperar de sets ruins, além de ter pecado na defesa e nos passes. 

Próximos jogos

A seleção viaja para Sofia, na Bulgária, onde encerrará sua participação na fase preliminar do torneio e buscará classificação para as quartas de final. A agenda da equipe é a seguinte:

28/06 - China - 11h 

30/06 - Coreia do Sul - 14h

01/07 - Bulgária - 14h

02/07 - Tailândia - 10h30

Todos os jogos têm transmissão do Sportv 2. 



Postar um comentário

To Top