Filipe Toledo é o novo líder da WSL; Ítalo Ferreira e Miguel Pupo também avançam para as quartas em Bells Beach

De vemelho, Filipe Toledo surfa nas ondas de Bells Beach

Filipe Toledo se tornou nesta sexta (15), o novo líder da temporada 2022 da WSL (Liga Mundial de surfe). A liderança veio após ele eliminar o australiano Connor O'Leary nas oitavas de final da etapa de Bells Beach, na Austrália. Ítalo Ferreira e Miguel Pupo também se garantiram na próxima fase.


Antes disso, Filipinho viu quem estava à sua frente ser eliminado, entre eles, o ex-líder Igarashi Kanoa (JPN). Nas oitavas, o brasileiro começou bem, fazendo uma boa onda empilhando rasgadas e fez 7.57. Sua melhor nota veio faltando 12 minutos para o fim da bateria, quando ele fez 8.43, fazendo uma sequência de manobras de borda.


Filipe ainda conseguiu trocar a nota de backup de 7.57 por um 7.83 e venceu a bateria por 16.26 a 13.00. Ele enfrentará o havaiano John John Florence nas quartas de final.


Ítalo Ferreira venceu o compatriota Samuel Pupo, em bateria equilibrada. O potiguar esteve sempre na frente, mas viu sua classificação ameaçada após Samuel acertar um aéreo pontuado em 7.80. Tal manobra fez ele precisar trocar o 7.33 por um 7.61, mas ele não conseguiu.


Com isso, prevaleceu o 7.83 de uma sequência de manobras em backside e um 7.53 do campeão olímpico para derrotar o Pupo mais novo.


O Pupo mais velho, o Miguel, venceu o norte-americano Kolohe Andino por 14.76 a 10.90. Miguel começou fazendo um 7.83 nos minutos iniciais e 6.93 nos segundos finais e despachou Andino sem dar chances a ele. 



Ítalo enfrentará o australiano Jack Robinson, enquanto Miguel surfará contra o também australiano Callum Robson. As finais masculinas e femininas começam a partir das 18h30 com transmissão do Sportv. 


Foto: Ed Sloane/WSL

Postar um comentário

To Top