Corte de 12 surfistas marca a etapa de Margaret River da WSL



A etapa de Margaret River, na Austrália, começará neste sábado (23) pelo horário brasileiro, domingo no país-sede e com uma novidade. Ela é esperada desde que a WSL (Liga Mundial de surfe) anunciou seu novo formato, ainda durante a temporada 2021.


Agora, os 12 piores no ranking masculino e as seis piores no ranking feminino, saem da praia australiana sem poder participar do resto da temporada e tendo que disputar o challenger series (CS) para retornar à elite do surfe em 2023.


A Brazilian Storm vêm com o líder do campeonato e vencedor da última etapa, Filipe Toledo e com os já classificados, Ítalo Ferreira e Miguel Pupo. No feminino, a única brasileira, Tatiana Weston-Webb está na sexta colocação e está muito próxima de se garantir no top-10, enquanto no masculino, seguem na briga, Miguel Pupo (14º), João Chianca (25º), Deivid Silva e Jadson André, os dois últimos dividindo a 28ª colocação.


Vão sobrar 22 surfistas no masculino e dez no feminino. Cada torneio terá dois wild cards em cada categoria, um dado pelo evento e outro pela liga. É assim que deve acontecer o retorno de Gabriel Medina ao circuito.


Após passar a primeira metade da temporada fora alegando precisar cuidar sua saúde mental, o tricampeão mundial voltou a treinar e pretende voltar na sexta etapa, na Indonésia, com um convite que deve vir da liga.


Logo que anunciou seu tempo fora do circuito, Gabriel ouviu do presidente da WSL, que seria recebido de braços abertos, assim que decidisse voltar. 


Em 2021, a etapa de Margaret River foi vencida por Tatiana Weston-Webb no feminino e por Filipe Toledo no masculino. A primeira chamada está marcada para às 20h no horário de Brasília, com transmissão do Globoplay. Confira as baterias do brasileiros. 


Feminino:

6ªbateria: Tatiana Weston-Webb (BRA), Malia Manuel (HAW), Isabella Nichols (AUS)


Masculino

1ª: Callum Robson (AUS), Samuel Pupo (BRA), Imaikalani deVault (HAW)

6ª: Filipe Toledo (BRA), Owen Wright (AUS), Jack Thomas (AUS)

7ª: Ítalo Ferreira (BRA), Jake Marshall (USA), Jadson André (BRA)

8ª: Ethan Ewing (AUS), Nat Young (USA), Deivid Silva (BRA)

9ª: Caio Ibelli (BRA), Connor O’Leary (AUS), Morgan Cibilic (AUS)

10ª: Miguel Pupo (BRA), Kolohe Andino (USA), Joao Chianca (BRA) 


Foto: Matt Bunbar/WSL




Postar um comentário

To Top