Felipe Meligeni recebe o último convite para a chave principal do Rio Open de Tênis

Felipe Meligeni no Rio Open

O Rio Open confirmou nesta quinta-feira o terceiro e último convite para a chave principal de simples do maior torneio de tênis da América do Sul, que acontece de 12 a 20 de fevereiro no Jockey Clube Brasileiro, para Felipe Meligeni. Ele se junta a Thiago Monteiro e a Juan Martin del Potro como os convidados da edição 2022.

Atual 229º em simples e 85º nas duplas, o campineiro de 23 anos é uma das atuais promessas do tênis brasileiro. Vindo de um 2021 positivo, com final no challenger de Santiago e título nas duplas no ATP 250 de Córdoba, Felipe está contente com a oportunidade de jogar o Rio Open pela segunda vez na carreira. Em 2020, na estreia, perdeu um jogo disputadíssimo para Dominic Thiem.

“Só tenho a agradecer pela oportunidade. Fico muito feliz por estarem reconhecendo o trabalho que venho fazendo, com todo o esforço e treino do dia a dia. Foi uma notícia muito boa e agora é tentar aproveitar esse tempo da melhor maneira para chegar o mais preparado possível. Jogar no Brasil, em casa e com a torcida que só o Rio Open tem é uma experiência única, então vou tentar tirar o maior proveito possível desse convite”, disse Meligeni.

"O Felipe é merecedor desse convite pelo que ele fez no circuito pós pandemia. Em 2020 ele fez um otimo jogo contra o Thiem no Rio e desde então vem subindo de nível, conquistando boas vitórias no circuito, representando o Brasil na Copa Davis e se consolidando cada vez mais no circuito. Torço para que ele consiga um bom resultado no Rio Open para seguir o caminho dele rumo ao Top 100," disse Luiz Carvalho, diretor do Rio Open.

Outro convidado já confirmado é o cearense Thiago Monteiro. O tenista número 1 do Brasil e atual 92º do ranking está garantido no Rio Open, disputando a sua sétima edição do torneio. Thiago vem de quartas de final em Adelaide e de um 2021 positivo, tendo conquistado o challenger de Braga, disputado os quatro Grand Slams do ano e também representado o Brasil nos Jogos Olímpicos de Tóquio. Um dos nomes mais marcantes do torneio, Thiago fez história no Rio Open ao derrotar o francês Jo-Wilfried Tsonga, número 9 na época, na sua estreia em chave principal de torneios ATP.

O já confirmado Juan Martin Del Potro também foi um dos recipientes, sendo contemplado com o convite pela IMG. O argentino, que foi campeão do US Open em 2009 e número 3 do mundo, é um dos tenistas mais pedidos pelo público brasileiro. A Torre de Tandil disputou apenas dois torneios do circuito da ATP em solo brasileiro: em 2006, na Costa do Sauípe, e os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, em 2016, quando superou Nadal e Djokovic no caminho para conquistar a medalha de prata. Fora do circuito desde 2019 anos faz agora a tão esperada volta às quadras.

A chave principal de simples do Rio Open também contará também com os top 10 Matteo Berrettini, o número 6 do ranking, e Casper Ruud, o atual 8º. Os campeões passados Diego Schwartzman, Cristian Garin e Pablo Cuevas, a jovem promessa Carlos Alcaraz, os irreverentes Benoit Paire e Fabio Fognini, e o medalhista de bronze nos Jogos Olímpicos de Tóquio Pablo Carreno Busta são alguns dos nomes que completam o grandioso line-up do Rio Open 2022.

Foto: FOTOJUMP/Divulgação

Postar um comentário

To Top