Bicampeão olímpico do CCE no hipismo é flagrado agredindo um cavalo na Grã-Bretanha


Mais uma cena de agressão no mundo do hipismo. O neozelandês Mark Todd foi flagrado agredindo um cavalo em um treinamento na Grã-Bretanha.

Todd, bicampeão olímpico do CCE em Los Angeles 1984 e Seul 1988, foi filmado batendo em um cavalo 10 vezes forçando o a saltar sobre um obstáculo de água em um treinamento do setor de cross country, que é uma das partes do Concurso Completo de Equitação.

A Autoridade Britânica de Hipismo (BHA) disse está investigando o incidente e falou ainda que o cavaleiro falhou muito ao não manter os níveis mínimos de cuidado dos animais.

Abaixo seguem as horríveis imagens das agressões:

Após o acontecido, Todd pediu desculpas pelos seus atos retratados no vídeo, que sempre prezou pelo respeito entre cavalo e cavaleiro, e que paciência e gentileza são as chaves para conseguir os resultados. 

O neozelandês, aposentado desde 2019 e que JÁ treinou a seleção brasileira de CCE, disse que está extremamente desapontado com ele mesmo por não seguir os seus métodos nesse caso.

O episódio é mais um duro golpe nos esportes que envolvem cavalos. Em Tóquio 2020, uma treinadora alemã de pentatlo moderno agrediu um cavalo, o caso teve como consequência a exclusão do hipismo da modalidade, e do próprio pentatlo do programa olímpico em Los Angeles 2028.

Será que o hipismo também está com os dias contados nos Jogos Olímpicos?

Foto: Reprodução

Postar um comentário

To Top