CBLP divulga calendário de competições e lista de índices para participação em torneios internacionais da temporada




O ano de 2022 começou para o levantamento de pesos brasileiro. Nesta segunda-feira (10), a Confederação Brasileira de Levantamento de Pesos (CBLP) divulgou o calendário de competições e os índices para participação em campeonatos internacionais na temporada recém-inaugurada.


Na programação publicada pela entidade, estão previstas atividades de março até dezembro. O primeiro compromisso oficial fica por conta da Avaliação Técnica da CBLP, que está marcada para 12 de março, na sede da APCEF/RJ. Em se tratando de competições, o evento inaugural com participação de brasileiros vai ser o Campeonato Pan-Americano Sub-15 e Sub-17, em San Juan, no Porto Rico, entre 4 e 8 de abril.


Em 2021, o Brasil fez história em edições de Mundiais nas mais diversas faixas etárias. No sub-17, Taiane Justino conquistou duas pratas e um bronze, e Júlia Vieira, uma prata. No adulto, Laura Amaro e Amanda Schott obtiveram feitos inéditos ao levaram uma prata e um bronze, respectivamente.


Agora, em 2022, já são conhecidas as datas para os brasileiros continuarem a escreverem seus nomes mundialmente. O primeiro Campeonato Mundial a acontecer vai ser o sub-20, que terá como local de competição a cidade de Hersonissos, na Grécia. O evento está marcado para começar em 2 de maio e ir até o dia 10 do mesmo mês.


A próxima edição de Mundial a ser realizada vai ser o sub-17. Neste ano, o torneio será sediado em León, no México, e está programada para acontecer entre 11 e 18 de junho. No final do ano, vai ser a vez do Mundial Adulto movimentar o levantamento de pesos. Desta vez, o campeonato desembarcará em Chongqing, na China, e perdurará durante todo o mês de novembro.


Nacionalmente, o país será palco de dois Campeonatos Brasileiros durante a temporada, ambos ainda sem definição do local de competição. O primeiro está reservado para as categorias adulta e sub-20 e deve acontecer entre maio e junho. O outro tem como previsão de realização o mês de outubro e terá exclusivamente atletas sub-17.


O presidente da confederação, Enrique Montero Dias, falou sobre a programação divulgada: “O calendário de 2022 foi pensado e discutido amplamente com a Comissão de Atletas e com nosso corpo técnico, para que existisse um equilíbrio, e os atletas não fossem sobrecarregados.”


“Será um ano importante, pois chegaremos na metade do ciclo olímpico e os resultados internacionais e nacionais obtidos nesta temporada nos fornecerão os dados que necessitamos para projetar o desempenho nesta nova etapa”, complementou.


Índices para competições internacionais


Outra lista divulgada pela CBLP foi a dos índices para os campeonatos internacionais do ano. Para a categoria adulta, os pesos mínimos para qualificação para os campeonatos pan e sul-americanos são os mesmos, diferentemente do que ocorria na temporada passada.


Para os atletas do sub-20, os índices a serem alcançados para os eventos na América do Sul tomarão como base os pontos Sinclair, sendo requeridos 220 pontos no feminino e 320 pontos no masculino.


O mesmo cenário é observado para os pesistas do sub-17, que terão como base os pontos Sinclair para qualificação tanto das competições sul-americanas, mas também para as pan-americanas. No feminino, o mínimo é de 200 pontos, enquanto 300 pontos são exigidos no masculino.


foto: Washington Alves/Light Press/CBLP


Postar um comentário

To Top