Atletismo brasileiro ganha mais dez medalhas em Cali 2021


No terceiro dia de disputa do atletismo nos Jogos Pan-Americanos Júnior Cali 2021, o Brasil conquistou dez medalhas. Foram quatro ouros, três pratas e três bronzes nesta quinta-feira (2).

Na sessão da manhã, o Brasil venceu as duas provas disputadas. Alencar Chagas conquistou a medalha de ouro no lançamento do martelo. Ele conseguiu uma marca de 69.78m na sua quinta tentativa para terminar na primeira colocação. Prata para Ronald Mencia de Cuba (67.23m) e bronze para Aldo Zavala do México (65.08m). João Carlos Souza foi o 11º com 51.77m

No salto com vara feminino, Isabel de Queiroz foi a única atleta a superar quatro metros. Ela ganhou a medalha de ouro com a marca de 4.20m. Prata para Javiera Contreras do Chile e bronze para Karen Bedoya da Colômbia, ambas com 3.90m. Sophia Salvi ficou em 10º lugar com 3.60m.

As medalhistas do salto com vara - Foto: Wagner Carmo/PanamericaPress
O terceiro ouro veio na sessão noturna. Chayenne da Silva venceu os 400m com barreiras, com um tempo de 55.97. A brasileira dominou a prova, colocando uma boa vantagem na liderança após cerca de 250m da prova. Arilainnis Vargas de Cuba levou a prata (57.20) e Valeria Cabezas da Colômbia foi bronze (57.49).

"Esse é um período difícil para fazer resultado e correr a terceira melhor marca da minha vida me deixou realmente muito satisfeita. Foi melhor do que eu esperava. Sabia que seria difícil, até pela própria pressão porque minha adversária estava na casa dela, mas eu não podia deixar isso interferir com minha mente. Estava concentrada no que eu tinha de fazer e deu certo", afirmou Chayenne.

Chayenne nos 400m com barreiras - Foto: Wagner Carmo/PanamericaPress
Nos 400m com barreiras masculino teve dobradinha. Caio de Almeida (51.48) e Matheus Coelho (51.64) ficaram com a prata e o bronze, respectivamente. Yaoo Puentes de Cuba levou o ouro, com 50.91.

Arielly Rodrigues conquistou a medalha de bronze no salto em altura feminino. Ela saltou 1.76m. Gabriela de Sá ficou em sexto lugar com 1.70m. O ouro ficou com Jennifer Rodríguez da Colômbia, com 1.90m. Tiffani Marinho ganhou a medalha de bronze nos 400 m rasos, com 52.67. Fiordaliza Cofil, da República Domicana foi a primeira colocada (52.10) e Martina Weil, do Chile, a segunda (52.35).

Nos 100m com barreiras, Ketiley Batista ficou em segundo lugar com 13.27 e Micaela Melo foi a quarta com 13.51. Cuba levou o ouro e o bronze, com Greisys Roble (13.07) e Keily Perez (13.33) respectivamente.

Para encerrar o dia, o Brasil conquistou duas medalhas nos revezamentos 4x100m. No masculino, Adrian Vieira, Erik Cardoso, Lucas Vilar e Lucas da Silva venceram com um tempo de 39.21. Prata para Equador e bronze para a Argentina. No feminino, Gabriela Mourão, Leticia Lima, Rita de Cássia Ferreira e Vida Caetano ficaram em segundo lugar com 44.04. A Colômbia venceu (43.59), com o Equador em terceiro (44.56).

 Foto de capa: Wagner Carmo/PanamericaPress

Postar um comentário

To Top