Em jogo dramático, Tunísia conquista o terceiro título do Afrobasket masculino - Surto Olímpico

Pesquisar:

Arquivo do blog

Últimas Notícias

Em jogo dramático, Tunísia conquista o terceiro título do Afrobasket masculino

Compartilhe

Em uma partida definida no final, a Tunísia venceu a Costa do Marfim por 78 a 75 e ganhou neste domingo (5) o Afrobasket masculino, disputado em Kigali (RWA).


Já campeã em 2019, a seleção tunisiana fez um primeiro tempo perfeito, não dando chances para os marfinenses, fechando em 47 a 34. Entretanto, logo no começo do terceiro período, a Costa do Marfim fez uma sequência de 10 a 2, baixando a diferença para cinco pontos (49 a 44).


Os tunisianos voltaram a subir a diferença para dois dígitos, abrindo 57 a 46 contra os adversários. Motivados pela torcida presente, os marfinenses chegaram a apertar no último quarto, reduzindo a diferença para três pontos após um arremesso de três e a conversão de uma falta, deixando o jogo em 78 a 75.


Faltando 10s para o final do jogo, a Tunísia perdeu a posse, dando a chance de uma prorrogação para a Costa do Marfim, entretanto, Matt Costello errou o passe e a vitória foi celebrada pelos tunisianos. Salah Mejri fez 22 pontos para os vencedores.


Foi o terceiro título da Tunísia, os outros dois foram em 2007 e 2019.


No jogo que valeu o bronze, Senegal venceu Cabo Verde por 86-73. Gorgui Dieng anotou 30 pontos para a equipe senegalesa.


Foto: FIBA

Nenhum comentário:

Postar um comentário