Coreia do Norte é suspensa pelo COI e está fora de Pequim-2022 - Surto Olímpico

Pesquisar:

Arquivo do blog

Últimas Notícias

Coreia do Norte é suspensa pelo COI e está fora de Pequim-2022

Compartilhe


O Comitê Olímpico Internacional (COI) anunciou nesta quarta-feira (08) uma punição à Coreia do Norte pela não participação do país nos Jogos de Tóquio 2020. A entidade suspendeu o comitê olímpico do país asiático até o fim de 2022, retirando, assim, as chances da nação de disputar os Jogos Olímpicos de Inverno de Pequim, que acontecerão no ano que vem.


A Coreia do Norte foi o único país reconhecido pela entidade a não participar da Olimpíada de Tóquio, desrespeitando o artigo 27.3 da Carta Olímpica, que obriga os comitês nacionais a mandarem atletas para os Jogos. O governo e o comitê norte-coreano alegaram risco para a saúde da delegação em razão da pandemia de Covid-19 para não participar do megaevento deste ano.


No entanto, é de conhecimento internacional que a ditadura de Kim Jong Il não mantém boas relações diplomáticas com o Japão. Historicamente, os crimes de guerra cometidos pelo Japão no século XX durante a ocupação da península coreana reverberam até hoje nas duas Coreias. 


Como sanção ao PRKNOC (Comitê Olímpico da Coreia do Norte), toda a assistência financeira do COI à entidade norte-coreana está suspensa, assim como qualquer benefício de programas do comitê internacional. 


Caso algum atleta do país se classifique para o evento Pequim 2022, seu caso será analisado pelo Comitê Executivo do COI. 


O último evento olímpico com participação da Coreia do Norte foi em PyeongChang-2018, na vizinha Coreia do Sul, quando os dois times de hóquei feminino se juntaram e disputaram como uma só Coreia, alimentando as esperanças da reunificação dos países. 


Foto em destaque: Murad Sezer/ Reuters

Nenhum comentário:

Postar um comentário