Quênia faz dobradinha nos 800m rasos masculino em Tóquio - Surto Olímpico

Pesquisar:

Arquivo do blog

Últimas Notícias

Quênia faz dobradinha nos 800m rasos masculino em Tóquio

Compartilhe


Os quenianos Emmanuel Korir e Ferguson Cheruiyot Rotich fizeram dobradinha nesta quarta-feira (04) e conquistaram ouro e prata, respectivamente, nos 800m rasos masculino da Olimpíada de Tóquio. Korir venceu com 1:45.06, enquanto Rotich marcou 1:45.23. O polonês Patryk Dobek completou o pódio, anotando 1:45.39.


A prova foi bem lenta se comparando os tempos obtidos aos de outras finais importantes. Os vencedores, por exemplo, ficaram mais de quatro segundos distante do recorde mundial (1:40.91). A primeira volta foi ainda mais fraca e o australiano Peter Bol liderava na reta oposta, mas Korir acelerou nos últimos 200m e não só o ultrapassou como impôs boa vantagem na liderança. 


Os últimos 100m foram bem embolados. Com exceção de Korir, todos estavam muito próximos. Rotich foi quem se saiu melhor com seu "gás" no final e cruzou a linha na segunda colocação. Dobek se manteve constante no top-3 durante toda a prova e assim permaneceu na chegada. Bol, que liderou boa parte, acabou em quarto lugar, com 1:45.92. Prata em 2012, Nijel Amos, de Botsuana, foi o penúltimo.


Com o título, Emmanuel Korir mantém a tradição do Quênia nos 800m masculino em Olimpíadas. Este é o quarto outro consecutivo do país nesta prova - faturou todas as edições desde Pequim-2008. O detalhe é que o atual bicampeão olímpico e recordista mundial, David Rudisha, não pôde tentar seu terceiro ouro porque se lesionou no começo deste ano, mas seus substitutos "deram conta do recado".


Enquanto essa tradição queniana se forma, outra foi quebrada em Tóquio. O Quênia detinha uma sequência de nove ouros consecutivos nos 3.000m com obstáculos, conquistados entre Los Angeles-1984 e a Rio-2016, mas não conseguiu aumentar a lista em Tóquio. Nesta edição olímpica, o marroquino Soufiane El Bakkali levou o ouro na prova.


Foto de capa: Kai Pfaffenbach/REUTERS

Nenhum comentário:

Postar um comentário