Kelvin Hoefler dá show em sua bateria e garante vaga na final olímpica do skate street - Surto Olímpico

Pesquisar:

Arquivo do blog

Últimas Notícias

Kelvin Hoefler dá show em sua bateria e garante vaga na final olímpica do skate street

Compartilhe

O Brasil terá um representante na primeira final olímpica da história do skate street. Kelvin Hoefler deu show neste sábado (24), em sua bateria nas eliminatórias e registrou 34,69 pontos, ficando com a quarta colocação, atrás apenas de Aurelien Giraud (1º), Jagger Eaton (2º) e Nyjah Huston (3º) . Ele será um dos oitos skatistas que disputarão as primeiras medalhas olímpicas da modalidade, que faz sua estreia em Tóquio 2020.

A honraria de abrir a competição foi destinada a outro skatista brasileiro, o brasiliense Felipe Gustavo, de 30 anos. Ele fez história ao dar a primeira volta, da primeira bateria do skate nos Jogos Olímpicos. Com um excelente desempenho, ele conseguiu 8.49, aproveitando diferentes espaços da pista e variando bastante as manobras.

Infelizmente, ao longo da bateria, Felipe Gustavo teve uma queda de rendimento. Ele ainda conseguiu um 7,24 em sua segunda volta de 45 segundos, mas cometeu quatro erros nas cinco manobras (tricks) avulsas que poderia fazer. Ele ainda acertou um sweet flip crooked, justamente na última oportunidade, marcando 9.02, o que não foi o suficiente para garanti-lo na final. O skatista brasiliense ficou com a 14ª colocação na fase classificatória.

"Foi um prazer, fui o primeiro skatista da história a dropar nos Jogos Olímpicos. Muito feliz de fazer parte da história do skate. Infelizmente não acertei a manobra que eu queria, está muito calor, mas estou feliz. É continuar treinando para a próxima competição", disse o pioneiro olímpico, Felipe Gustavo.

Hoefler dá show na segunda bateria

Em uma bateria recheada de grandes skatistas (Horigome Yuto, Shirai Sora, Shane O’neill, por exemplo), Kelvin Hoefler teve excelente atuação, superando todos seus adversários na ocasião. Ele começou anotando 7,43 na primeira volta de 45 segundos, após uma queda. Na segunda chance ele foi mais agressivo e acertou todas as manobras, conseguindo 8,15.

Nos tricks, o brasileiro acertou três das cinco manobras possíveis, sempre marcando notas acima de 8, com destaque para a quarta trick, onde conseguiu 9,23. Desta forma, as quatro melhores notas de Hoefler somaram 34,69 pontos, que lhe garantiu a quarta posição geral na classificatória e a vaga na final olímpica.

O terceiro brasileiro no skate street foi Giovanni Vianna, que ficou na 12ª posição. Ele teve bom desempenho nas duas voltas de 45 segundos (com 7.22 e 7.10), mas acertou apenas duas das cinco manobras a que tinha direito, tendo uma somatória de 28.15.

A final do skate street masculino começa já na madrugada de domingo, por volta das 0h25 e terá transmissão do SporTV 2.

Confira os finalistas do skate street masculino

1º - Aurelien Giraud 35,88
2º - Jagger Eaton 35,07
3º - Nyjah Huston 34,87
4º - Kelvin Hoefler 34,69
5º - Vincent Milou 34,36
6º - Horigome Yuto 33,75
7º - Angelo Caro Narvaez 32,93
8º - Gustavo Ribeiro 32,66

ELIMINADOS
9º - Shirai Sora 31,52
10º - Micky Papa 30,39
11º - Jake Ilardi 29,03
12º - Giovanni Vianna 28,15
13º - Axel Cruysberghs 24,81
14º - Felipe Gustavo 24,75
15º - Luis Ortiz 23,57
16º - Shane O’neill 19,52
17º - Aoki Yukito 18,60
18º - Brandon Valjalo 16,41
19º - Manny Santiago 5,45
20º - Matt Berger 4,02

Foto: Jeff Pachoud / AFP

Nenhum comentário:

Postar um comentário