Karina Trois busca vaga olímpica no sabre para coroar a sua trajetória na esgrima - Surto Olímpico

Pesquisar:

Arquivo do blog

Últimas Notícias

Karina Trois busca vaga olímpica no sabre para coroar a sua trajetória na esgrima

Compartilhe


Conquistar uma vaga em Tóquio é o que Karina Trois mais quer neste momento, segundo suas palavras. Para isso, a atleta vai até San José, na Costa Rica, disputar o Pré-Olímpico das Américas, última chance de carimbar o passaporte na esgrima. A competição acontece nos dias 1º e 2 de maio e a brasileira já tem data e hora para buscar este sonho: no domingo (2), a partir das 17h (de Brasília). 

Depois de sua participação pela Seleção Brasileira na Copa do Mundo de Sabre, Karina identificou seus erros e se fortaleceu mentalmente. A competição aconteceu em Budapeste, na Hungria, e foi a primeira a nível internacional na esgrima após o início da pandemia – por isso, serviu como um teste de luxo.

“Errinhos bobos que fizeram a diferença na Copa do Mundo não vão acontecer no Pré-Olímpico. Acho que isso foi o mais importante”, destaca. Agora, no entanto, a chave foi virada: ela quer fazer valer toda sua preparação para conquistar seu lugar na Olimpíada de Tóquio.

“Treinei muito para chegar onde eu cheguei, acho que conquistar uma vaga nos Jogos Olímpicos vai resumir toda minha trajetória na esgrima. É a coisa que eu mais quero conquistar no momento”, projeta. Para isso, será necessário que a atleta do sabre, de 23 anos, mantenha o foco e, assim, consiga demonstrar tudo o que sabe. O controle mental, segundo Karina, será fundamental.

“Tenho que manter o psicológico bem, porque a parte física e técnica eu já tenho de sobra. Agora, é me manter com a cabeça tranquila para conseguir extrair o melhor do meu jogo”, avalia. Projetando possíveis confrontos, Karina entende que “não tem nenhuma atleta fácil”. O descanso e a boa alimentação serão cruciais nestes últimos dias antes da competição, segundo ela, para conseguir seu objetivo.

Agenda dos brasileiros

O espadista Athos Schwantes será o primeiro atleta do Brasil no Pré-Olímpico. Sua participação começa no sábado (1º), a partir do meio-dia. Na sequência, a partir das 15h, é a vez de Bia Bulcão no florete feminino. O último brasileiro do dia é Bruno Pekelman, pelo sabre masculino, a partir das 17h.

Karina Trois será a única brasileira no domingo, a partir das 17h. Todos disputam a vaga em Tóquio, enquanto dois esgrimistas do Brasil já estão garantidos: Guilherme Toldo (florete masculino) e Nathalie Moellhausen (espada feminino).

Foto: Augsuto Bizzi/FIE

Nenhum comentário:

Postar um comentário