Calderano bate medalhista de bronze no último Mundial e avança às quartas do WTT Contender de Doha - Surto Olímpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Pesquisar:

Últimas Notícias

Calderano bate medalhista de bronze no último Mundial e avança às quartas do WTT Contender de Doha

Compartilhe


Hugo Calderano está nas quartas de final do WTT Contender de Doha, no Catar! O brasileiro, que é sexto colocado no ranking mundial de tênis de mesa, conseguiu sua classificação nesta quinta-feira (04) após vencer o sul-coreano An Jaehyun (39º), medalhista de bronze no último Mundial, por 3 a 1 (9-11, 11-7, 11-5 e 11-4). 


Na próxima fase, Calderano enfrentará um velho conhecido: o francês Simon Gauzy, número 20 do mundo e que derrotou o croata Tomislav Pucar (33º) nesta quinta. Além de jogarem juntos no Ochsenhausen, clube alemão, Calderano e Gauzy já se enfrentaram algumas vezes em torneios do circuito internacional. O francês foi, inclusive, o algoz de Calderano no Aberto do Catar, em março do ano passado, naquele que foi o último evento antes da paralisação da pandemia do coronavírus.


Tendo a chance de uma "revanche", o brasileiro voltará às mesas já nesta sexta-feira (05), com o confronto marcado às 09h35 (horário de Brasília). Caso vença, jogará mais uma vez na sexta-feira, em horário a ser definido, encarando ou o taiwanês Lin Yun-Ju (7º) ou o nigeriano Quadri Aruna (20º). A final está programada para sábado.


Vale lembrar que o WTT Contender é a primeira competição do novo circuito internacional de tênis de mesa (WTT), implementado nesta temporada. O torneio dá apenas 400 pontos no ranking mundial para o campeão, mas conta com os principais jogadores do mundo - com exceção dos chineses, que optaram por não viajar ao Catar  - e é um bom teste visando a Olimpíada de Tóquio.


Sem os chineses, Hugo é o cabeça de chave número 2 do torneio de simples. Ele é o último remanescente brasileiro na competição, já que Gustavo Tsuboi caiu na fase principal, enquanto Vitor IshiyThiago Monteiro e Eric Jouti foram eliminados no quali. Bruna Takahashi também parou na estreia na chave de simples feminina. Ishiy/Takahashi e Ishiy/Tsuboi perderam nas duplas


O duelo

Repetindo sua partida de estreia contra o compatriota Gustavo Tsuboi, Calderano teve mais um duro confronto pela frente. O primeiro game foi muito disputado e ninguém abriu vantagem. Hugo chegou a ter 6 a 4, mas o sul-coreano reverteu para 7 a 6 e passou a administrar o placar. Com pontuações alternadas, o asiático controlou bem e fechou a parcial em 11 a 9 e abriu 1 a 0 no jogo.


Seguindo a mesma tônica, o segundo game começou equilibrado. An Jaehyun "quebrou" dois saques de Calderano e tomou a dianteira do placar, em 5 a 3, mas o brasileiro "devolveu" e pontuou duas vezes no saque adversário, empatando em 5 a 5 e passando a frente em seguida. Com moral, Hugo foi firme e conseguiu abrir vantagem na reta final, vencendo o game por 11 a 7


Agressivo, Calderano iniciou a terceira parcial com 2 a 0 de frente. Depois de "roubar" um ponto do saque adversário, ele seguiu abrindo vantagem e chegou a ter 5 a 1. O coreano ensaiou uma reação e encostou no placar em 6 a 5. O brasileiro, no entanto, seguiu incisivo com seus backhands e fez cinco pontos seguidos para fechar a parcial em 11 a 5.


No quarto e último game, Hugo e Jaehyun só conseguiam pontuar no serviço adversário no início da parcial. O brasileiro abriu 5 a 2 e o coreano encostou em 5 a 4. Depois do equilíbrio, Calderano seguiu firme e não deixou o asiático pontuar mais, impondo larga vantagem e fechando o game em 11 a 4 e a partida em 3 a 1.


*Atualizado às 11h40 de 04 de março de 2021

Foto: Hussein Saiyed/QTT


Nenhum comentário:

Postar um comentário