Torneios Challenger são cancelados após crescente de casos de coronavírus na Flórida - Surto Olimpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Torneios Challenger são cancelados após crescente de casos de coronavírus na Flórida

Compartilhe

Depois do ATP 500 de Washington, foi a vez de dois torneios Challenger com sede em Orlando serem cancelados. Em comunicado nesta segunda-feira, a Associação Estadunidense de Tênis (USTA) informou que optou por não realizar os eventos após uma crescente de casos de coronavírus na Flórida. As competições estavam programadas para ocorrer entre 22 de agosto e 06 de setembro.

"Devido à situação em torno da Covid-19, a USTA decidiu cancelar os dois Challengers que aconteceriam entre 22 de agosto e 6 de setembro no USTA National Campus em Orlando, na Flórida. A decisão de cancelar esses dois eventos ATP Challenger 150 foi tomada com a contribuição do Grupo Consultivo Médico da USTA, para garantir a saúde e a segurança de todos os envolvidos nesses torneios", disse a entidade, em nota.
Somente nesta segunda-feira, a Flórida registrou 8.901 novos casos de coronavírus. O estado soma 432.747 infecções e 6.049 vítimas fatais e só perde para a Califórnia em números totais. O pico do surto aconteceu no último dia 12, quando houve mais de 15 mil registros em 24 horas. Na última sexta-feira, 12,4 mil novos casos foram confirmados.

Os organizadores explicaram que planejaram protocolos sanitários para realizar as competições sem problemas, mas perceberam que só conseguiriam ter um evento completamente seguro se houvessem "bolhas" de isolamento, como a NBA ou a WNBA criaram, na própria Flórida, ou no caso do US Open. A USTA informou que criar um ambiente do tipo em torneios Challenger seria financeiramente inviável, por isso não realizou a operação.

Com os cancelamentos dos eventos floridenses, agora nove eventos seguem programados para a sequência do Challenger Tour. Os primeiros começam no dia 17 de agosto, em Praga (CZE) e Todi (ITA). No ATP Tour, a retomada será no dia 22 de agosto, com o Masters 1000 de Cincinatti/Nova York. US Open segue programado para 31 de agosto.


Foto: Divulgação/USTA

Nenhum comentário:

Postar um comentário