Arremessador Darlan Romani comemora um ano de recorde na Liga Diamante - Surto Olimpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Arremessador Darlan Romani comemora um ano de recorde na Liga Diamante

Compartilhe

O catarinense Darlan Romani (Pinheiros) comemorou nesta terça-feira (30/6) o aniversário de um ano de duas façanhas: o recorde da Liga Diamante, o principal circuito de competições do atletismo internacional, e o recorde sul-americano do arremesso do peso, obtidos no Prefontaine Classic, disputado em 2019 na Universidade de Stanford, em Palo Alto, nos Estados Unidos.

Darlan quebrou nada menos do que quatro vezes seu recorde na época (22m), na sequência de seis arremessos, conseguindo as seguintes marcas, pela ordem: 21,64m, 21,92m, 22,46m, 22,55m, 22,61m e 22,37m.

“Foi um dia de alegria e de superação. Estava com dor havia duas semanas no posterior da coxa, e até o segundo arremesso pensei ‘hoje não vai dar’, mas no terceiro arremesso pensei ‘Deus eu treinei muito e não posso desistir por uma dor’. Então entrei com meus 200% e todo treino foi recompensado. Sou grato ao meu treinador Justo Navarro, equipe médica e apoiadores”, comemorou em sua conta no facebook.

A marca de 22,61m o deixou no quarto lugar no Ranking Mundial de 2019 da World Atlhetics (ex-IAAF). Antes de Darlan, o recorde da prova na competição era de 22,60 m, estabelecido em Zurique, em 2018, pelo neozelandês Tom Walsh.

Darlan, na verdade, teve um ano excepcional. Foi campeão brasileiro, sul-americano, pan-americano, mundial militar, vice-campeão da Liga de Diamante e terminou em quarto lugar no Mundial de Doha, sendo uma das estrelas da melhor prova de índice técnico da história da competição, iniciada em 1983, em Helsique, na Finlândia. Pelo conjunto de resultados, foi eleito pelo segundo ano seguido o melhor representante do atletismo brasileiro pelo Comitê Olímpico do Brasil (COB).

Foto: Wagner Carmo/CBAt


Nenhum comentário:

Postar um comentário