Equipes de hóquei na grama da Índia poderão voltar para casa após dois meses em isolamento - Surto Olimpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Equipes de hóquei na grama da Índia poderão voltar para casa após dois meses em isolamento

Compartilhe

Os times masculino e feminino de hóquei na grama da Índia poderão retornar a suas casas após passarem mais de dois meses em isolamento, devido ao bloqueio geral imposto pelo Governo para frear o avanço da pandemia de COVID-19 no país. A Índia tem mais de 133.000 casos de coronavírus, com quase 4.000 mortes.

De acordo com a publicação indiana Sportstar, um total de 72 pessoas, incluindo jogadores e membros do staff, estavam no campus da Autoridade Esportiva da Índia, na cidade de Bangaloru, desde o início de março. Com a liberação, os membros das equipes receberam a permissão de voltar a suas casas, desde que sigam medidas de proteção, como o uso de máscaras e de álcool em gel. Além disso, só poderão se relacionar com seus familiares, tendo permissão para deixar suas casas apenas em caso de extrema necessidade. 

Quando as equipes retornarem aos treinamentos no campus, deverão passar por um período de quarentena que pode variar entre duas e três semanas, a depender dos protocolos de testagem. Durante os treinos, contatos físicos de jogo serão permitidos, mas os atletas não poderão comemorar juntos. Todos os equipamentos, como bolas, tacos e toalhas, serão higienizados após cada sessão.

Como todos os esportes, o hóquei na grama teve seu calendário prejudicado pela crise do novo coronavírus. A Pro League foi suspensa pela Federação Internacional de Hóquei (FIH) pelo menos até julho, com a temporada sendo estendida até julho de 2021 para garantir que seja concluída.

Foto: Shaheed Dejvi/ FieldHockey.ca

Nenhum comentário:

Postar um comentário