Ronissan Brandão ganha a segunda medalha do Brasil no Pan-Americano de Luta - Surto Olimpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Ronissan Brandão ganha a segunda medalha do Brasil no Pan-Americano de Luta

Compartilhe

A Luta do Brasil conquistou neste sábado a segunda medalha no Pan-americano da modalidade, que está sendo disputado em Ottawa, no Canadá. Ronisson Brandão terminou em terceiro lugar na categoria até 87kg do estilo greco-romano. O Brasil ainda teve no estilo Angelo Moreira, quinto colocado na categoria até 77kg. O dia também marcou a estreia do wrestling feminino. Karoline Santana até 59kg e Brenda Aguiar até 72kg terminaram na quarta colocação.

Neste domingo (8), a luta feminina volta ao tapete com mais 5 atletas em categorias olímpicas. Kamila Barbosa até 50kg, Giullia Penalber até 57kg, Lais Nunes até 62kg, Dailane Reis até 68kg e Aline Silva até 76kg. 

Na estreia, Ronisson Brandão (87kg) enfrentou o colombiano Carlos Jaramillo em luta apertada. Os dois lutadores receberam uma punição cada com par terre. Jaramillo aproveitou e conseguiu aplicar o roulé e fazer 3 a 0. O brasileiro teve a mesma oportunidade, mas não conseguiu concluir a ação e recebeu apenas o ponto concedido pela punição. No fim 3 a 1 para Jaramillo. Como o colombiano avançou até a final, Ronisson foi repescado para lutar pelo bronze contra o cubano Daniel Hecherravia, que foi superado por 7 a 4 na semifinal por Jaramillo. Em virtude da seletiva olímpica, a comissão técnica cubana resolveu preservar Hecherravia que não disputou o terceiro lugar e Ronisson ficou com a medalha de bronze.

Angelo Moreira (77kg) caiu em grupo complicado com o norte-americano Patrick Smith e o cubano Yosvanis Flores. Na primeira luta, o brasileiro sofreu um revés diante de Smith por 12 a 3. Na segunda rodada, Angelo fez uma disputada contra o cubano Flores. No entanto, o oponente conseguiu aproveitar o par terre, abrir vantagem e vencer por superioridade técnica ( 8 a 0). Angelo terminou na quinta colocação.

A categoria de Karoline Santana (59kg)foi disputada no sistema todas contra todas. A brasileira estreou contra a norte-americana Lauren Louive e esteve à frente do placar durante boa parte do primeiro round. Depois de forçar a saída de Louive da área permitida e marca um ponto, Karoline conseguiu passar para as costas da adversária e abriu 3 a 0. A estadunidense reagiu e derrubou Karoline com um double leg, antes de emendar duas cruzetas para virar em 6 a 3 ainda nos primeiros round. No segundo período, a norte-americana conseguiu abrir vantagem e vencer por 12 a 3.

No segundo combate, Karoline enfrentou a porto-riquenha Nes Marie Rodriguez. Em um combate franco, Karoline e Nes Marie alternaram pontuações. Mas Nes Marie passou a defender a entrada de single leg da brasileira e contra-atacar. No fim, Karoline teve que se expor em virtude da desvantagem e a porto-riquenha conseguiu vencer por superioridade técnica (13 a 3). A lutadora ainda tinha chance de conseguir a medalha de bronze na disputa contra a canadense Alexandra Town. Porém, Town emendou cinco vezes o roulé e venceu por superioridade técnica (10 a 0).

Brenda Aguiar (72kg) fez um combate equilibrado até os minutos finais contra a canadense Shauna Kuebeck. A adversária abriu 2 a 0 no começo da luta e depois a luta ficou marcada pela busca da melhor pegada. Já no segundo round, Shauna conseguiu passar pela defesa da brasileira e encerrar o combate com um touche. Na segunda luta, Brenda enfrentou a norte-americana Victoria Francis em outro combate marcado com disputa intensa pela melhor pegada. Mesmo com a brasileira procurando as melhores ações, a arbitragem puniu-a com um short clock e a norte-americana terminou em vantagem de 1 a 0. No segundo round, Francis obteve queda de dois pontos, em seguida conseguiu um roulé e retirou Brenda da área delimitada, 6 a 0. A norte-americana pontuou até vencer por superioridade técnica (13 a 0). Com o resultado, Brenda terminou em quarto lugar.

Foto: Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário