Surto História - A promessa olímpica de Matthias Steiner - Surto Olimpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Surto História - A promessa olímpica de Matthias Steiner

Compartilhe


Matthias Steiner tinha um grande desafio em Pequim 2008. Conseguir levantar 258kg na final da categoria mais de 105kg, marca que nunca tinha conseguido na carreira para ficar com o ouro. Mas Steiner estava inspirado naquele dia. Sem estar cotado entre os favoritos ao ouro, o austríaco naturalizado alemão vinha enfileirando boas marcas naqueles jogos olímpicos e já tinha o bronze garantido antes daquela última tentativa. Mas Matthias tinha a promessa de dedicar a medalha de ouro a alguém especial.

Após os jogos de Atenas de 2004, Steiner teve problemas burocráticos com a confederação do seu país e resolveu se naturalizar alemão, nacionalidade de sua esposa Susann. Tudo caminhava bem para ele representar bem a Alemanha em Pequim, quando em um acidente de carro em julho de 2007 fez uma verdadeira tragédia na vida de Steiner. Susann morreu no acidente.

"Depois do acidente da minha mulher, eu senti que minha vida havia terminado também. Mas, depois de três semanas e com dez quilos a menos, Frank Mantek, chefe da delegação da Alemanha, veio para mim e disse: “Você pode. Diga sim ou não. Mas você precisa decidir agora se quer começar a se preparar para a Olimpíada. Porque temos menos de um ano, menos de um ano para trabalhar por uma medalha”.  Disse Streiner.

E Matthias Streiner trabalhou duro pela medalha de ouro, um sonho distante na teoria, mas ele faria de tudo para conquistá-la para dedicar a sua falecida esposa, uma promessa que ele faria questão de cumprir.

Evgeny Chigishev levantou 250kg, somando nove a mais que o alemão no total e Steiner ia para sua última tentativa. O vídeo da sua tentativa foi um dos primeiros virais esportivos da internet. Ele demonstrava total concentração, suava como se pelos poros ele pudesse tirar todo o nervosismo de seu corpo. Os 258kg eram uma marca muito difícil de ser batida, era a primeira vez que ele tentava. Mas ele arriscou tudo pelo ouro e demonstrando uma força extraordinária, conseguiu atingir a marca e a medalha dourada. Sua explosão após o feito foi um dos grandes momentos dos jogos de Pequim. No pódio, Steiner fez questão de levar a foto de sua falecida esposa junto para celebrar aquele momento.

Steiner virou uma celebridade instantânea na Alemanha. Ele ganhou o prêmio de melhor atleta alemão de 2008, o primeiro halterofilista a ganhar o prêmio de personalidade esportiva do ano, e participou de diversos programas de TV no país. Ele foi vice-campeão mundial em 2010 e em 2013 ele encerrou a carreira. Diabético, Steiner resolveu emagrecer 45kg e fazer palestras sobre os males do excesso de açúcar. Ele casou novamente em 2010, teve dois filhos e além de palestrante, também segue a carreira de cantor. Veja o clipe da música 'Zuruckgeliebt':


foto: AFP

Nenhum comentário:

Postar um comentário