Parada das Nações: Cazaquistão - Surto Olimpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Parada das Nações: Cazaquistão

Compartilhe

Sigla: KAZ
Medalhas na história: Ouro 15 | Prata 21 | Bronze 28 | Total: 64
No Rio de Janeiro... Ouro 3 | Prata 5 | Bronze 10 | Total: 18

Separado da União Soviética no começo dos anos 90, o Cazaquistão participou pela primeira vez dos Jogos Olímpicos em Atlanta 1996. A maior participação foi em Pequim 2008, com 132 atletas, e a melhor foi em Rio de Janeiro 2016, com 18 medalhas, sendo três de ouro.

Esportes Fortes:

Boxe: O Cazaquistão obteve seis ouros no boxe nos Jogos Olímpicos. Em todas as edições que participou, o boxe cazaque sempre conseguiu pelo menos um ouro, sendo que em 2000 levou dois, com Bekzat Sattarkhanov e Yermakhan Ibraimov.

Levantamento de Peso: Em Londres 2012, o levantamento de peso cazaque foi onipresente. Levou quatro ouros, incluindo o bicampeonato de Ilya Ilyin na categoria até 94kg. Entretanto, o país perdeu 4 ouros em razão de doping, incluindo Ilyin, que perdeu os dois que ganhou, em 2008 e 2012.

Destaques




Nurislan Sanayev (luta): Com duas medalhas em Mundiais (um bronze e uma prata), Sanayev, da categoria 57kg do Estilo Livre, chega para brigar por medalhas em Tóquio 2020.

Bekzad Nurdauletov (boxe): Campeão mundial na categoria até 81kg, Nurdauletov é um dos favoritos para conquistar o ouro na sua categoria no Japão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário