Com dois gols de Cristiane, Seleção Feminina de Futebol encerra o ano com nova goleada sobre o México - Surto Olimpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Com dois gols de Cristiane, Seleção Feminina de Futebol encerra o ano com nova goleada sobre o México

Compartilhe


A Seleção Feminina venceu o México novamente neste domingo (15), na Arena Fonte Luminosa, em Araraquara-SP. O placar, desta vez, foi 4x0, com dois gols de Cristiane, um de Debinha e um de Victoria Albuquerque. As brasileiras já haviam batido as mexicanas por 6x0 na última quinta-feira.

Cristiane, jogadora do São Paulo, foi o grande destaque do jogo. A atacante brasileira sofreu com lesões ao longo do ano, principalmente depois da Copa do Mundo, e ainda não havia sido convocada por Pia Sundhage. Ela apareceu na última lista do ano, jogou poucos minutos na Arena Corinthians, mas na derradeira partida conseguiu se acertar e fazer dois belos gols. 

Mais uma vez, a seleção brasileira não teve dificuldades para vencer a seleção mexicana. O Brasil começou incisivo, assim como foi em Itaquera, e abriu o placar logo aos 9 minutos de jogo, com um toque de Cristiane após cruzamento de Bia Zaneratto. 

Aos 26, Debinha cobrou falta com perfeição e ampliou o placar para o Brasil, chegando a 7 gols com Pia no comando, e se mantendo na artilharia da era. Ainda no primeiro tempo, Cristiane marcou o terceiro gol da Seleção, desta vez de cabeça em cruzamento de Isabella.

O segundo tempo foi bem morno. O Brasil encontrou seu último gol em jogada 100% corintiana: Milene rolou para Vic Albuquerque, que infiltrou na área e bateu cruzado, rasteiro, no canto esquerdo da goleira mexicana, fechando, assim, o placar final da partida. 

Este foi o último jogo do Brasil em 2019 e encerrou um ano bem cheio para o futebol feminino brasileiro. Após uma sequência de derrotas, a seleção não decepcionou na Copa do Mundo, mas caiu para a anfitriã França nas oitavas de final. Após a eliminação, o técnico Vadão foi demitido e Pia Sundhage assumiu a comissão técnica brasileira. Ela inovou e buscou novas atletas para testes. Nesta última convocação, por exemplo, foram 27 jogadoras chamadas pela técnica sueca. 

Em oito jogos com Pia à beira do campo, o Brasil somou seis vitórias, dois empates e nenhuma derrota, com 24 gols feitos e apenas dois sofridos.

Foto: Lucas Figueiredo/CBF

Nenhum comentário:

Postar um comentário