Mundial de Remo 2017 - Dia 7 - Surto Olímpico

Pesquisar:

Arquivo do blog

Últimas Notícias

Mundial de Remo 2017 - Dia 7

Compartilhe

Dez finais foram realizadas em Sarasota neste sábado (30) , sendo 6 provas olímpicas, 2 paralímpicas e 2 provas não olímpicas.

No Dois sem feminino, o ouro ficou com as neozelandesas Grace Prendergast e Kerri Gowler, com o tempo de 7:00.53, colocando quase 4 segundos de vantagem sobre as americanas Megan Kalmoe e Tracy Eisser, que ficaram a prata. O bronze ficou com as dinamarquesas Hedvig Rasmussen e Christina Johansen. Já no Dois sem masculino, o ouro ficou com os italianos Matteo Lodo e Giuseppe Vicino, com o tempo de 6:16.22, apenas 3 décimos à frente dos irmãos croatas Martin e Valent Sinkovic, com os neozelandeses Thomas Murray e James Hunter completando o pódio.

No Skiff duplo peso leve masculino, os franceses Pierre Houin e Jeremie Azou, atuais campeões olímpicos, confirmaram o favoritismo vencendo com o tempo de 6:13.10, colocando 2 segundos à frente dos italianos Steffano Oppo e Pietro Ruta, que ficaram com a prata. O bronze ficou com os chineses Sun Man e Fan Junjie. Já no Skiff duplo peso leve feminino, o ouro ficou com as romenas Ionela-Livia Lehaci e Gianina-Elena Beleaga, com o tempo de 6:55.88, apenas 2 décimos à frente das neozelandesas Zoe McBride e Jackie Kiddle, que ficaram com a prata, com as americanas Emily Schmieg e Michelle Sechser completando o pódio.

No Quatro sem, a Austrália faturou o ouro tanto no masculino quanto no feminino. No masculino, os australianos venceram com quase 2 segundos de vantagem sobre a Itália, que ficou com a prata, com a Grã Bretanha ficando com o bronze. No feminino, as australianas venceram com 7 décimos de vantagem sobre a Polônia, que ficou com a prata, com a Rússia ficando com o bronze.

Na prova não olímpica do Skiff quádruplo, Holanda e Lituânia levaram a melhor. No feminino, as holandesas venceram com 1 segundo de vantagem sobre a Polônia, que ficou com a prata, com a Grã Bretanha completando o pódio. Já no masculino, os lituanos venceram com mais folga, colocando quase 2 segundos de vantagem sobre a Grã Bretanha, que ficou com a prata, com a Estônia ficando com o bronze.

Duas finais paralímpicas foram realizadas neste sábado. No Skiff duplo misto PR2, pra remadores que possuem mobilidade dos troncos e braços, o ouro ficou com os holandeses Corne De Koning e Annika Van Der Meer, colocando mais de 17 segundos de vantagem sobre os ucranianos Iaroslav Koiuda e Iryna Kyrychenko, que ficaram com a prata. O bronze ficou com os poloneses Michal Gadowski e Jolanta Majka.

Já no Quatro com cox misto PR3, para remadores com mobilidade nos troncos, braços e pernas, o ouro ficou com a Grã Bretanha, com o tempo de 6:55.70, colocando mais de 23 segundos de vantagem sobre os EUA, que ficaram com a prata, com a Itália completando o pódio.

Foto: FISA


Nenhum comentário:

Postar um comentário