Pré-Olímpico Mundial Masculino de Vôlei 2016 - 3ª rodada - Surto Olímpico

Pesquisar:

Arquivo do blog

Últimas Notícias

Pré-Olímpico Mundial Masculino de Vôlei 2016 - 3ª rodada

Compartilhe
Rouzier ataca contra o Irã - FIVB/Divulgação

Dia de jogos mais rápidos no Pré-Olímpico Mundial Masculino de Vôlei; apenas Austrália e Canadá passou do 3º set. Em outros duelos, melhor para a invicta Polônia, China e França, que ocupam os três primeiros lugares da competição.

Austrália x Canadá

O Canadá abriu o placar da partida com um 25/19 e parecia caminhar pronto para fechar o segundo set, chegando a ter set point, quando a Austrália se recuperou e fez quatro pontos em sequência, fechando o set por 26/24 e empatando o jogo.

Animados, os australianos lideraram do início ao fim do 3º set, vencendo a parcial por 25/20. Os canadenses, em busca de sua primeira vitória conseguiram equilibrar as coisas no set seguinte, e no momento crucial, conseguiram desgarrar e fechar o set em 29/27.

No set-desempate, melhor para os canadenses que abriram vantagem inicial e não perderam mais o bom momento em quadra, fechando em 15/11, dando números finais ao jogo: Canadá 3x2 Austrália.

Apesar da derrota, o australiano Thomas Edgar foi o melhor pontuador em quadra, com 33 pontos. Do lado canadense, dessa vez foi a vez de John Perrin ser o melhor atacante da partida, com 25 pontos.

China x Venezuela

A Venezuela se tornou o único time ainda sem vitórias na competição após o jogo contra a China, que venceu a partida por 3 sets a 0, parciais de 25/16, 25/18 e 25/15. Foi o duelo mais rápido do campeonato até o momento: uma hora e três minutos.

Nos primeiros sets, a China dominou do início ao fim; no segundo, a Venezuela tentou ainda tomar a frente, mas logo sofreu a virada.

Dai Qingyao mais uma vez foi o melhor pontuador chinês e da partida, dessa vez com 17 pontos. Kevin Pinerua foi o melhor pontuador da Venezuela, com 14 pontos.

Irã x França

O Irã estava invicto na competição. Estava, pois o então líder da classificação enfrentou a seleção da França, que não deu chances ao time asiático na partida, fechando o duelo em 3 sets a 0, com parciais em 25/20, 25/18 e 25/22.

Antoine Rouzier foi o melhor pontuador francês no jogo, com 18 pontos; um a menos que Shahram Mahmoudi, que fez 19.

Polônia x Japão

Os campeões mundiais não vacilaram diante dos donos da casa e conseguiram sua terceira vitória em três jogos no Pré-Olímpico Mundial. O duelo ficou 3 a 0 para os poloneses, parciais de 25/22, 25/16 e 25/23.

Destaque para a atuação da dupla Kurek e Mozdzonek, que esteve apagada na 2ª rodada contra a França: 12 e 13 pontos, respectivamente, para a dupla. No entanto, o melhor pontuador foi o japonês Ishikawa, com 17 pontos.

Classificação após 2/7 rodadas
1 - Polônia - 3 v, 7 pts, 9 sv, 4 sp
2 - França - - 2 v, 7 pts, 8 sv, 4 sp
3 - China - 2 v, 6 pts, 7 sv, 3 sp
4 - Irã - 2 v, 5 pts, 6 sv, 5 sp
5 - Canadá - 1 v, 4 pts, 7 sv, 8 sp
6 - Austrália - 1 v, 4 pts, 5 sv, 7 sp
7 - Japão - 1 v, 3 pts, 3 sv, 7 sp
8 - Venezuela - 0 v, 0 pts, 2 sv, 9 sp

Próxima rodada (horário de Brasília):
22:10 (31/05): Venezuela x Canadá
0:55 (01/06): França x Austrália
3:40 (01/06): China x Polônia
7:15 (01/06): Japão x Irã


Nenhum comentário:

Postar um comentário