Equipe da Suíça é recebida por 10 mil fãs após título da Copa Davis de Tênis


Os tenistas que garantiram à Suíça seu primeiro título na Copa Davis, com vitória sobre a França no último fim de semana, tiveram uma recepção calorosa na volta para casa. A equipe liderada por Roger Federer e Stanislas Wawrinka foi saudada por aproximadamente 10 mil fãs, nesta segunda-feira em Lausanne.

A Suíça conquistou o inédito título da Copa Davis ao derrotar a França por 3 a 1, em Lille, neste fim de semana. O ponto final do confronto foi marcado por Roger Federer ao derrotar Richard Gasquet, mas os integrantes do time optaram por fazer a primeira aparição pública como vencedores nos subúrbios de Lausanne para homenagear Wawrinka, criado na região.

O número 4 do mundo marcou o primeiro ponto da Suíça no duelo contra a França em Lille superando Jo-Wilfried Tsonga na sexta-feira, dia em que Federer foi derrotado por Gael Monfils. Os dois tenistas suíços voltaram à quadra no sábado e colocaram seu país em vantagem vencendo o duelo de duplas contra Julien Benneteau e Richard Gasquet. No domingo, coube a Federer derrotar Gasquet e garantir o inédito título na Copa Davis.

Federer e Wawrinka se enfrentaram na semifinal do ATP Finals de Londres, na semana anterior à decisão da Davis, em um duelo vencido pelo ex-líder do ranking mundial depois de quase 3h de partida. Durante o confronto, o campeão do Aberto da Austrália reclamou do comportamento de Mirka Federer, mulher de seu adversário, que o atrapalharia em momentos importantes, mas dias depois os dois tenistas atribuíram o desentendimento ao nervosismo gerado pelo jogo.

A longa partida diante do compatriota custou caro a Federer, que desistiu da decisão do ATP Finals contra o sérvio Novak Djokovic alegando uma lesão nas costas. Com dores na região, ele perdeu os dois primeiros treinos da Suíça para a final da Davis na França e acabou derrotado em sua primeira partida em Lille.


Foto: AFP
Fonte: Terra/Gazeta Esportiva

0 Comentários