Espanha passeia na final, vence Dinamarca e torna-se bicampeã do Mundial Masculino de Handebol - Surto Olímpico

Pesquisar:

Arquivo do blog

Últimas Notícias

Espanha passeia na final, vence Dinamarca e torna-se bicampeã do Mundial Masculino de Handebol

Compartilhe
 
 
Depois de uma campanha irretocável (com apenas uma derrota "inútil", na última rodada da 1ª fase), marcada também pela força da torcida local, a Espanha derrotou a forte Dinamarca por um placar elástico (35 a 19) e sagrou-se bicampeã do Mundial Masculino de Handebol 2013.

A Espanha veio com tudo. Logo no início de jogo, abriu 3-0 no placar, forçando o treinador dinamarquês Ulrik Wilbek a pedir tempo. Surtiu efeito até a metade do 1° tempo, quando a equipe dinamarquesa alcançou a Espanha e diminuiu a diferença para um gol.

Porém, a partir da 2ª metade do 1° tempo, os "Hispanos" (apelido da equipe de handebol espanhola) dominaram completamente a partida. Com grande atuação de Joan Cañellas, a equipe chegou a fazer 7 gols seguidos, sem a Dinamarca marcar algum. Ao final do 1° tempo, o placar já estava 18-10.

No 2° tempo, a Espanha manteve o domínio na partida. Com o time mais fechado, os Hispanos conseguiram parar os ataques dinamarqueses, e tinham sucesso em seus contra-ataques. Atordoados, só restava para a Dinamarca aguardar o final do jogo e tentar fechar a partida de forma honrosa. Também não adiantou.

Apito final, e a Espanha conquistava o título em casa, com uma barulhenta e alegre torcida comemorando o título. Também conseguiram a vitória mais extensa numa final de campeonato em toda a história, com os 16 gols de vantagem. Já a Dinamarca é vice-campeã pela 3ª vez (2ª seguida, em 2011 foram vices para a França). Mas nem tudo foi tristeza para os dinamarqueses: o lateral-esquerdo Mikkel Hansen foi eleito MVP da competição.

Nenhum comentário:

Postar um comentário