Resumo - Troféu José Finkel Dia 1





No primeiro dia do Troféu José Finkel, campeonato disputado em piscina curta (25m), os nadadores do Flamengo Cesar Cielo e Joanna Maranhão foram os destaques.

Após o bronze na Olimpíada de Londres, Cesar Cielo disputou a prova dos 50m. Apesar de ter melhorado o tempo das eliminatórias, ele diminuiu o ritmo nos metros finais das semifinais e fez o tempo de 21s19. Ainda assim foi o suficiente para avançar à decisão com o melhor tempo. Nicholas dos Santos, seu companheiro de clube, foi o segundo mais rápido (21s40), e Bruno Fratus, do Pinheiros, avançou na terceira posição (21s73). A final será disputada na noite desta terça-feira.


Já Joanna Maranhão, nos 200m costas, prova que não é sua especialidade, marcou 2m08s34 e estabeleceu o novo recorde sul-americano. Joanna ficou atrás apenas da holandesa Femke Heemskerk, do Minas, que fez 2m04s72. Mas, como o regulamento diz que, caso um nadador estrangeiro vença uma prova, o primeiro brasileiro também levará o ouro, a pernambucana subiu ao lugar mais alto do pódio. Ana Carolina Azambuja, do Corinthians, ficou em terceiro lugar, com 2m11s42, à frente de Fabíola Molina, do Minas, com 2m11s58. No masculino, Leonardo Fim, que ficou fora de Londres por poucos centésimos, venceu a prova com 1m53s99, ainda longe do índice de 1m52s15. Leo de Deus foi segundo e Fernando Ernesto completou o pódio.



No 200m peito, o nadador do Praia Clube, Gabriel Fidelis surpreendeu e ficou com o ouro. O nadador venceu com 2m06s82, depois de passar em quinto na parcial de 100 metros, quase dois segundos atrás de Tales Cerdeira. Voltando melhor, Gabriel ficou menos de meio segundo acima do índice (2m06s36). Tales Cerdeira (2m06s96) e Henrique Barbosa (2m07s79) ficaram em segundo e terceiro, respectivamente. No feminino, Julia Sebastian ganhou com 2m28s74, seguida de Renata Sander (2m29s15) e Tatiane Sakemi (2m30s18).

 Nas provas de longa distância, a maior disputa foi contra os tempos feito pela manhã. No feminino, Poliana Okimoto, que nadou sozinha de manhã, levou a melhor, e ninguém superou seu tempo de 8m40s15. Ana Marcela foi segunda (8m42s19) e Bianca Ávella terceira (8m42s86). Já no 1500m masculino, Luiz Rogério Arapiraca conseguiu superar a marca de Lucas Kanieski pela manhã, vencendo com 14m55s55, contra 14m56s35 do adversário.



0 Comentários