FIVB faz visita técnica ao local de competição do Vôlei em Tóquio 2020


O presidente da Federação Internacional de Vôlei Ary Graça, fez na semana passada uma visita técnica à Arena Ariake, que será o palco das partidas de vôlei dos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020 e deixou as instalações muito bem impressionado. A arena de 15.000 lugares, será concluída em dezembro de 2019 e sediará ainda o basquete em cadeiras de rodas dos Jogos Paralímpicos. 

Ary Graça visitou a quadra de jogo, os locais destinados aos espectadores e as áreas de aquecimento. O presidente da FIVB elogiou a modernidade do local: “A arena é uma magnífica joia arquitetônica e o local ideal para mostrar o melhor do nosso grande esporte. Ele destacou ainda um outro benefício da sede olímpia do vôlei: “O local está mais de 90% pronto e será a instalação mais próxima da vila dos atletas, a apenas 5 a 10 minutos de ônibus. Isso, é claro, será de grande benefício para nossos jogadores”, concluiu. 

O voleibol foi incluído pela primeira vez no programa olímpico nos Jogos de Tóquio, em 1964, e o presidente da FIVB está animado para comemorar a volta histórica ao país no próximo verão. 

"O Japão sempre ocupou um lugar especial nos corações e mentes de nossos fãs e jogadores", disse ele. “Mal posso esperar para que as portas da Arena Ariake se abram para nossos apaixonados fãs japoneses e internacionais e, é claro, para o voleibol olímpico voltar ao seu local de nascimento.”

As equipes masculina e feminina do Japão têm garantido um lugar como anfitriões. Brasil, Estados Unidos, Itália, Polônia, Rússia e Argentina já se classificaram para o torneio masculino, enquanto Sérvia, China, Estados Unidos, Brasil, Rússia e Itália se classificaram para o evento feminino através dos Torneios de Qualificação de Voleibol de Tóquio. As cinco vagas restantes por gênero serão decididas em janeiro.

Foto: Divulgação

Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes