Mundial de Levantamento de Peso 2019 - Dia 8: China volta ao topo do pódio e brasileiro abandona prova


Depois de uma segunda-feira sem representantes, a China voltou a colecionar ouros em Pattaya, durante o Mundial de Levantamento de Pesos. O Brasil teve dois representantes nos 96kg: O albanês naturalizado brasileiro Serafim Velim ficou em 13º no Arranco, mas só conseguiu completar a primeira tentativa de 163kg, falhando nos 168kg e abandonando a competição, ficando sem marca no Arremesso e no Total. Já Marco Tulio Gregorio Machado ficou em 18º no Arranco (160kg), 25º no Arremesso (190kg), terminando em 22º com 350kg no total.

O medalhista de prata no Mundial de 2018 e nas Olimpíadas de 2016, Tian Tiao levou seu primeiro título mundial no 96kg e ainda ganhou a medalha de ouro no Arremesso, além da prata no Arranco, onde foi superado pelo georgiano Anton Pliesnoi, que ficou em 4º no Arremesso e levou o bronze no geral. A para foi para o qatari Faeis Ibrahim - bronze em 2017, que também levou a prata no Arremesso. O bronze no Arranco foi para o colombiano Jhonatan Rivas Mosquera (4º no geral) e no Arremesso para o iraniano Seyedayoob Mousavijarahi. 

A campeã mundial de 2018 nos 71kg, Zhang Wangli, teve sucesso em sua primeira grande competição na nova categoria e ficou com a prata nos 76kg, sendo superada pela norte-coreana Rim Jong Sim. Rim também levou o ouro no Arranco e prata no Arremesso, enquanto Zhang foi campeã no Arremesso e ganhou a medalha de prata no Arranco. A equatoriana Neisi Patricia Dajomes Barrera foi medalhista de bronze no Total e no Arranco, enquanto a mexicana Aremi Fuentes Zavala foi e terceira melhor no Arremesso.

Foto: IWF

Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes