Brasil conhece adversário de estreia no Sul-Americano de Basquete feminino

A Confederação Sul-Americana de Basquete (Consubasquet) divulgou a tabela da primeira fase do Campeonato Sul-Americano Adulto Feminino, que será disputado de 30 de agosto a 4 de setembro, no Coliseo Cubierto San Antonio, em Tunja, na Colômbia. 

O Brasil está no Grupo A, ao lado do Paraguai, Venezuela e Chile. Já o Grupo B conta com a anfitriã Colômbia, Equador, Argentina e Peru. 

A Seleção Brasileira tem esse caminho na fase inicial:
• 30 de agosto (quinta-feira): Brasil x Venezuela
• 31 de agosto (sexta-feira): Brasil x Paraguai
• 1º de setembro (sábado): Brasil x Chile


"Estamos muito focados. Vamos começar a competição enfrentando a Venezuela, que merece toda a nossa atenção, assim como o Paraguai e o Chile. Estamos trabalhando forte para estrear muito bem no Sul-Americano", comentou o técnico Carlos Lima.

De acordo com o regulamento, na primeira fase as equipes jogam entre si, em turno único, dentro de suas respectivas chaves. Os dois melhores em cada grupo se classificam às semifinais – 1º do Grupo A x 2º do Grupo B e 1º do Grupo B x 2º do Grupo A – , disputadas em 3 de setembro. Por fim, os dois vencedores decidem o título, no dia 4 de setembro.

Reapresentação
A Seleção Brasileira reinicia os treinamentos nesta segunda-feira (20/8), na Arena Concórdia, o Centro de Treinamento da Confederação Brasileira de Basquete (CBB), em Campinas (SP).
O grupo brasileiro é composto pelas seguintes jogadoras:

Armadoras: Babi Honório (Vera Cruz/Campinas), Lays da Silva (São Bernardo/Instituto Brazolin/Unip) e Tainá Paixão (Las Heras-Argentina)

Alas: Isabela Ramona (Valencia/Espanha), Izabella Sangalli (Club Tomás de Rocamora/Argentina), Jaqueline de Paula (Basketball Santo André/Apaba), Raphaella Monteiro (União Sportiva/Portugal), Tati Pacheco (Sampaio Basquete) e Thayná Silva (São Bernardo/Instituto Brazolin/Unip)

Pivôs: Clarissa dos Santos (Lyon Asvel/França), Érika de Souza (Perfumerías Avenida/Espanha), Kamilla Cardoso (Hamilton Heights/Estados Unidos), Stephanie Soares (ADC Bradesco), Nádia Colhado (Uni Girona/Espanha) e Gil Justino (Vera Cruz/Campinas)

Além de Carlos Lima, a comissão técnica brasileira conta com: Bruno Valentin (administrador), Adriana Santos (gerente técnica), João Camargo Neto (assistente técnico), Clóvis "Vita" Haddad (preparador físico), Paulo Szeles (médico), Isabel Rosa, Jordana Reis e Thais de Sousa (fisioterapeutas).

Foto: Sérgio Gramari


Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes