Era Uma Vez... os XX Jogos Olímpicos de Inverno: Turim 2006

Turim 2006

Período - 10 a 26/02/2006
Nações - 80
Atletas - 2508
Esportes - 15
Eventos - 84




Apenas duas candidaturas foram consideradas aptas à concorrer pela sede dos Jogos Olímpicos de Inverno de 2006: Sion (SUI) e Turim (ITA). Os italianos venceram a disputa, e o direito de sediar os Jogos, 50 anos depois da última vez que a Itália havia recebido a competição, em Cortina D'Ampezzo.

Com uma população de mais de 900 mil habitantes, Turim tornou-se a maior cidade a sediar os Jogos Olímpicos de Inverno. Um recorde de 2.508 atletas de 80 Comitês Olímpicos Nacionais competiram e 26 países receberam medalhas em casa, outro recorde.

A delegação brasileira levou um atleta a mais em relação a Salt Lake City, superando o recorde do número de atletas brasileiros em Olimpíadas de Inverno. Um quarteto do bobsled (Ricardo Raschini, Claudinei Quirino, Márcio Silva e Edson Bindilatti), dois do esqui alpino (Mirella Arnhold e Nikolai Hentsch), dois do esqui cross-country (Hélio Freitas e Jaqueline Mourão) e uma no snowboard (Isabel Clark). Isabel foi a responsável pelo principal resultado do Brasil em Olimpíadas de Inverno, o 9° lugar geral no Snowboard Cross.

A Alemanha conquistou a primeira posição do quadro de medalhas olímpico, com 11 ouros, 12 pratas e 6 bronzes, 29 no total. Os Estados Unidos ficaram com a vice-liderança, enquanto a Áustria terminou no 3° lugar. Chamou a atenção a queda da Noruega: de campeã em Salt Lake City, ao 13° lugar em Turim (13 ouros em 2002, contra apenas 2 em 2006).



FATOS:

- Três atletas empataram no quadro de medalhas individual: o biatleta alemão Michael Greis e os patinadores de velocidade sul-coreanos Ahn Hyun Soo e Jin Sun-Yu.

-Com a internet mais acessível no mundo, o site torino2006.org teve 700 milhões de visualizações durante os jogos

- Albânia, Madagáscar e Etiópia foram todos representados pela primeira vez.

- Claudia Pechstein, da Alemanha, tornou-se a primeira patinadora de velocidade a ganhar nove medalhas olímpicas na carreira.

- Quando a canadense Sara Renner quebrou uma de suas barras pelo Sprint por equipes no esqui cross-countryo treinador norueguês Bjornar Hakensmoen emprestou-lhe uma (ainda que 12 centímetros maior do que a outra barra)Este ato de espírito esportivo permitiu que Renner ajudasse o time canadense a conquistar a prata, enquanto o time da Noruega não medalhou.

- O também canadense Duff Gibson tornou-se o mais velho atleta a conquistar ouro olímpico nos Jogos de Inverno. Ele tinha 39 anos e 190 dias quando conquistou a vitória no skeleton.

- A Áustria conseguiu uma trifeta em Turim, no Slalom (esqui alpino): Benjamin Reich, Reinfried Herbst e Reiner Schoenfelder, ouro, prata e bronze, respectivamente.

Confira o quadro completo de medalhas, logo abaixo: 
Posição País Medalha de ouro Medalha de prata Medalha de bronze GoldSilverBronze medals.svg
1 Alemanha Alemanha 11 12 6 29
2 Estados Unidos Estados Unidos 9 9 7 25
3 Áustria Áustria 9 7 7 23
4 Rússia Rússia 8 6 8 22
5 Canadá Canadá 7 10 7 24
6 Suécia Suécia 7 2 5 14
7 Coreia do Sul Coreia do Sul 6 3 2 11
8 Suíça Suíça 5 4 5 14
9 Itália Itália 5 6 11
10 França França 3 2 4 9
10 Países Baixos Holanda 3 2 4 9
12 Estônia Estônia 3 3
13 Noruega Noruega 2 8 9 19
14 China China 2 4 5 11
15 República Checa República Tcheca 1 2 1 4
16 Croácia Croácia 1 2 3
17 Austrália Austrália 1 1 2
18 Japão Japão 1 1
19 Finlândia Finlândia 6 3 9
20 Polônia Polônia 1 1 2
21 Bielorrússia Bielorrússia 1 1
21 Bulgária Bulgária 1 1
21 Eslováquia Eslováquia 1 1
21 Grã-Bretanha Grã-Bretanha 1 1
25 Ucrânia Ucrânia 2 2
26 Letônia Letônia 1 1
TOTAL 84 84 84 252
Fonte: Wikipédia

Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes