Com 29 nomes, Time Olímpico de Refugiados é convocado para Tóquio - Surto Olímpico

Pesquisar:

Arquivo do blog

Últimas Notícias

Com 29 nomes, Time Olímpico de Refugiados é convocado para Tóquio

Compartilhe


O COI (Comitê Olímpico Internacional) anunciou na manhã desta terça-feira (8), os convocados da Equipe Olímpica de Refugiados. Com 29 atletas, a delegação criada para dar chance a atletas proibidos de treinar ou morar em seus países em razão de conflitos políticos, irá para seu segundo Jogos Olímpicos, após a estreia na Rio-2016. 


A modalidade com mais atletas da equipe será o atletismo, com sete atletas, seguido do judô com seis. Além delas, natação, badminton, boxe, canoagem de velocidade, ciclismo, levantamento de peso, luta greco-romana, judô, karatê, tiro esportivo e taekwondo. 


O país com mais refugiados na delegação é a Síria, com nove atletas, em segundo vem o Irã, com sete atletas. Sudão do Sul, Eritreia, Congo, República Democrática do Congo, Sudão, Venezuela, Afeganistão e Camarões também terão atletas no time. 


O judoca Popole Misenga, nascido na República Democrática do Congo, vive no Brasil desde 2013, quando pediu asilo durante o Mundial do Rio de Janeiro. Morador da capital fluminense, ele treina no Instituto Reação e competiu na sua nova casa no Jogos de 2016.


Lista de convocados (Divulgação/COI)

A delegação será a segunda no desfile dos atletas, logo após a Grécia. Em caso de medalha de ouro, o hino tocado será o do Movimento Olímpico. A cerimônia de abertura das Olimpíadas de Tóquio será dia 23 de julho, dando início ao período de 17 dias olímpicos que terminam no dia 8 de agosto.


Foto em destaque: Reprodução/COI

Nenhum comentário:

Postar um comentário