Credenciado pela melhor marca do ano no ranking Mundial, o saltador Gabriel Boza é um dos destaques do Brasileiro Sub-20 - Surto Olímpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Pesquisar:

Últimas Notícias

Credenciado pela melhor marca do ano no ranking Mundial, o saltador Gabriel Boza é um dos destaques do Brasileiro Sub-20

Compartilhe


Gabriel Boza será um dos destaques do Campeonato Brasileiro de Atletismo Sub-20, que será realizado no Centro Nacional de Desenvolvimento do Atletismo (CNDA), em Bragança Paulista, de sexta-feira (21/05) a domingo (23/05). O atleta é detentor da melhor marca do ano no salto em distância no Ranking Mundial Sub-20, dividindo a posição com o alemão Oliver Koletzko, ambos com 7,90m.


O saltador já tem índice para o Pan-Americano Sub-20 no Chile e para Mundial Sub-20 no Quênia.


Gabriel vem de uma excelente temporada em 2020. Com vitórias no Brasileiro Sub-23 (7,46m), o Brasileiro Sub-20 (7,50m), o Brasileiro Sub-18 (7,74m) e foi sexto colocado no Troféu Brasil entre os adultos com a marca de 7,61m. “Estou muito confiante para competir no fim de semana. Consegui no dia 1º de maio, em Cascavel, a melhor marca do mundo e quero fazer história no Brasileiro Sub-20”, disse o atleta, que se mudou de São Paulo para Presidente Prudente no início do ano. “Já me adaptei à cidade e só o calor que às vezes acaba comigo”, comentou em tom de brincadeira. “Gostei muito da cidade”.


Sob orientação do treinador Cremilson Julião Rodrigues, na pista da Unesp, tem como objetivo tentar bater o recorde brasileiro da categoria, que pertence a Higor Silva Alves com a marca 8,02m. “A minha melhor marca é 7,90m, estou próximo. O índice Olímpico é de 8,22m. Se eu continuar nesse crescente, posso conseguir. É tudo questão de detalhe, do momento certo” dissa Gabriel, que tem como se espelha em Mauro Vinicius Duda da Silva, bicampeão Mundial Indoor, e no panamenho campeão Olímpico Irving Saladino.


Gabriel Boza iniciou sua carreira no atletismo em agosto de 2017, treinando com Betinho Missaia e Leandro Nascimento, no Paraná. Buscando uma melhor estrutura, mudou-se em fevereiro de 2019 para São Paulo, para treinar com Nelio Moura e Tânia Moura. “Ficamos juntos por quase dois anos, sendo que o último ano, devido à pandemia do Covid-19, passei mais tempo morando e treinando em Presidente Prudente. Sou muito grato e tenho muito respeito e admiração por eles. Agora, resolvi ficar de vez na cidade, formando nova parceira com o Cremilson e a APA”.


Foto: Divulgação/CBAt

Nenhum comentário:

Postar um comentário