Samory Uiki consegue índice olímpico no salto em distância em meeting no interior de São Paulo - Surto Olímpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Samory Uiki consegue índice olímpico no salto em distância em meeting no interior de São Paulo

Compartilhe


Neste sábado (24) aconteceram as duas primeiras etapas do Torneio Cidade de Bragança Paulista - Capital Nacional do Atletismo, que está sendo disputado na cidade do interior paulista, e teve como destaque o desempenho de Samory Uiki que venceu o salto em distância com 8,23m, superando em um centímetro a marca necessária para ir a Tóquio-2020.

Na competição, o atleta demonstrou muita consistência saltando três vezes acima dos 8 metros sendo: 8,09m (2,8 m/s) na terceira tentativa, 8,23m (1,3 m/s) na quarta e 8,06m (0,5 m/s) na quinta. Alexsandro Melo, qualificado para o salto triplo no Japão, ficou na segunda posição saltando para 7,99m (-0,1 m/s).

"Eu vinha de uma consistência boa em treinos, mas faltava sair a marca numa competição. Eu queria ir ao Sul-Americano e achava que saltaria bem fui surpreendido com o índice. E fui consistente. Agora repensar a temporada e focar para estar no auge em Tóquio", disse Samory.

O salto de Samory Uiki já é a quinta melhor marca da história do salto em distância brasileiro. Ele superou Jadel Gregório, que havia feito 8,22m em 2004. O recorde pertence a Douglas de Souza, que saltou 8,40m em 1995. O ranking ainda tem João do Pulo (8,36m em 1979), Nelson Ferreira Jr (8,36m em 1996) e Mauro Vinícius da Silva, o Duda (8,31m em 2013).

Outros destaques da competição 

Na competição que visa dar oportunidades para os atletas melhorarem suas marcas no Ranking Nacional, para tentarem ficar nos dois primeiros lugares do Ranking para garantirem vaga no Sul-Americano, alguns atletas souberam aproveitar a oportunidade. 

Na etapa de manhã, Geisa Arcanjo foi o destaque. A pesista alcançou a marca de 18,39m no arremesso de peso ficando a apenas 11 cm do índice olímpico.

A marca obtida é a 9ª do mundo do ranking mundial até o momento, porem a marca é um tanto distante de sua melhor marca de 19,02m conquistado nos Jogos Olímpicos de Londres-2012.

No primeiro dia de disputa, Geisa sobrou no arremesso de peso ficando em primeiro lugar numa competição com somente três atletas, sendo a segunda colocada Livia Avancini 17,54m e Keeley Medeiros com 16,77m.

Na prova mais rápida do atletismo outdoor, no masculino venceu Jorge Vides, com a marca de 10.30 (0,8 m/s), seguido por Luís Gabriel Silva com 10.38 e Bruno Lins com 10.39. Jorge retorna as pistas após uma lesão que o tirou da equipe que estava no Camping de Revezamentos em Chula Vista

No 100m feminino deu Bruna Farias com 11.67 (-0,4 m/s), com Gabriela Mourão em segundo com 11.86 e Andressa Moreira Fidelis em terceiro com 11.91. Assim como Jorge Vides, Bruna estava no Camping de revezamentos em Chula Vista e retorna em buscar de melhorar suas marcas.

Na segunda etapa a tarde, além do índice Olímpico do saltador Samory Uiky, chamou a atenção os 110m com barreiras com a vitória de Eduardo de Deus com 13.41 (1,1 m/s) e no feminino nos 100m com barreiras, Ketiley Batista foi a vencedora cravando 13.00 (1,2 m/s), Ambas as marcas os deixam na liderança no ranking nacional.

Nos 400m masculino deu Lucas da Silva Carvalho com 46.13, com Alexander Russo em segundo lugar com 46.88 e terceiro para Max Paulo de Oliveira 47.21.

Foto: Wagner Carmo/CBAt

Nenhum comentário:

Postar um comentário