Brasil Sub-23: Favorito nas apostas para ficar com uma das vagas para Tóquio


A Seleção Brasileira de futebol terá em janeiro a chance de conseguir a classificação olímpica. Se não repetir os pré olímpicos dos jogos de Barcelona 92 e Atenas 2004 e ser eliminado, poderá ir à Tóquio defender o seu título olímpico conquistado no Rio de Janeiro.

O elenco Sub-23 será comandado por André Jardine no pré-olímpico, no Grupo B ao lado de Paraguai, Bolívia, Uruguai e Peru e mesmo sem  a presença de alguns nomes mais conhecidos, está bem cotado nas apostas online para sair com uma vaga.

Por ser um torneio das Olimpíadas, e não da FIFA, os clubes não são obrigados a liberar os jogadores para a competição. Então, não é possível ter certeza a respeito se todos os convocados da Seleção Brasileira realmente vão estar nesse pré-olímpico. E se a vaga vier, também não se sabe quais jogadores o Brasil poderá usar em Tóquio. Isso, entretanto, não deve mudar todo o favoritismo da equipe dentro de campo. O Brasil é o atual campeão olímpico, como é possível lembrar em http://globoesporte.globo.com/rj/olimpiadas/jogo/20-08-2016/. Neymar, titular daquele time, liderou o elenco na conquista inédita do ouro no Rio de Janeiro.


Só isso já deve colocar o Sub-23 do Brasil como uma das melhores apostas nos sites online. Os prognósticos para o torneio olímpico deverão mudar com o decorrer dos meses,já que faltam definir todos os países classificados, mas o favoritismo brasileiro deverá se manter se confirmar sua vaga. É possível acompanhar e entender melhor dessas projeções em https://apostas.betfair.com/prognosticos/prognosticos-football/. Um dos principais motivos dessa confiança toda é o bom desempenho da equipe neste ano.

Em junho de 2019, a Seleção disputou o Torneio de Toulon e saiu campeã sem perder nenhuma partida. A final foi disputada contra o Japão e terminou com empate de 1 a 1. O título veio nos pênaltis, após os brasileiros acertarem todas as batidas, e os japoneses perderem a última. Douglas Luiz foi escolhido como melhor jogador da competição e está entre os convocados para o pré-olímpico.


Os três nomes

Para confirmar o favoritismo que tem nos sites de apostas, O Brasil precisa ficar entre as duas melhores seleções do pré olímpico da Colômbia. Em 2016, no título inédito, o Brasil comandado por Rogério Micale levou Neymar, Renato Augusto e Weverton na convocação. A reportagem disponível em https://www.dm.com.br/esportes/2016/08/renato-augusto-e-weverton-ganham-vaga/ lembra a escolha do treinador. 

Em 2020, é difícil saber quais serão os nomes, porém alguns jogadores já deram sinais positivos. É o caso do artilheiro Gabriel Jesus, que defende o Manchester City, na Inglaterra, e estava no elenco que ganhou o ouro na Rio 2016. Uma entrevista disponível em https://www.metropoles.com/esportes/futebol/titular-em-2016-gabriel-jesus-quer-disputar-mais-uma-olimpiada mostra a intenção do atacante, porém é bem provável que a equipe inglesa vete a convocação, já que poderia atrapalhar a pré-temporada do jogador.



Outros nomes podem surgir no futuro, até mesmo o de Neymar, porém é cedo para dizer ou confirmar algo. A verdade é que o Brasil é o grande favorito para defender a medalha de ouro que conquistou quatro anos atrás, segundo os sites de apostas e alguns jornalistas esportivos. Resta agora confirmar todo esse favoritismo, confiando no trabalho de André Jardine para se classificar no pré-olímpico. Trata-se de uma competição importante e que está longe de ser fácil, principalmente na disputa com rivais como a seleção alemã, prata no rio, além de França, Espanha e os anfitriões japoneses.

foto: Fernando Torres/CBF

Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes