Tênis do Brasil fica em terceiro na Copa COSAT, na Bolívia


O Brasil terminou a Copa Cosat, torneio por equipes na categoria 12 anos, com a terceira colocação. A competição foi disputada em Santa Cruz de La Sierra, na Bolívia, e o país contou com Vinícius Bortolo Lucas (DF), Victor da Cunha Winheski de Lima (MG) e Vicente Menezes Freda (RS). O capitão foi o experiente treinador Eduardo Gordilho.

A equipe nacional fez uma excelente primeira fase, com vitórias sobre México (3 a 0), Bolívia (3 a 0) e Canadá (2 a 1). Na semifinal, o time enfrenteu a Argentina e perdeu por 3 a 0. A disputa do terceiro lugar foi encerrada por causa da chuva quando o confronto estava em 1 a 1 com o Canadá. Apesar da tentativa da realização do confronto no domingo, não houve condições climáticas para a conclusão do duelo e a terceira posição foi dividida entre os dois países. O mesmo aconteceu na decisão, em que Argentina e Colômbia compartilharam as primeiras colocações.

"Foi uma semana muito produtiva. Jogar em Santa Cruz de La Sierra é muito interessante porque expõe os garotos a condições diferentes daquelas que eles estão acostumados, e a presença de um treinador dentro de quadra ajuda muito eles a entenderem melhor tudo isso. Eles fizeram cinco confrontos, enfrentando garotos que nunca tinham enfrentado, e renderam muito bem. É uma ótima experiência para eles, que saem daqui com outro espírito para melhorarem cada vez mais", destaca o capitão Eduardo Gordilho.

O Brasil na categoria 12 anos chegou ao segundo bom resultado nesta temporada de competições internacionais. Em junho, a equipe disputou o Sul-Americano em Villa Maria, na Argentina, e ficou na segunda colocação. 

"O desempenho desta equipe no decorrer do ano mostra que a geração é muito boa e certamente, junto a um bom trabalho pelas suas equipes técnicas e pela CBT, irá trazer muitas conquistas pela frente. Faço um especial agradecimento ao técnico Eduardo Gordilho, que não apenas demonstrou alta capacidade técnica, como também soube conduzir assuntos extra quadra junto aos tenistas e seus familiares para deixar todos tranquilos", frisa Patrício Arnold, coordenador de Alto Rendimento da CBT.

Foto: Divulgação

Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes