Palco do confronto entre Brasil e Barbados pela Copa Davis de Tênis recebe últimos ajustes


A contagem regressiva para a Copa Davis está na reta final. Faltam 10 dias para o primeiro dia de confronto entre Brasil e Barbados, válido pelo Zonal Americano I do torneio. E a Sociedade Recreativa Mampituba, em Criciúma (SC), palco do duelo nos dias 13 e 14 de setembro, está praticamente pronta para receber jogadores e torcedores.

Para acomodar a torcida brasileira, arquibancadas móveis foram montadas ao redor da quadra central. A capacidade total será de 2 mil lugares.

"O andamento, de acordo com o nosso cronograma, está muito bom. As estruturas estão sendo montadas, com a quadra praticamente pronta, com as arquibancadas e todos os bancos colocados. Está tudo bem adiantado. Assim, chegando mais perto do confronto, iremos nos preocupar só com os pequenos detalhes, com muito cuidado, para entregar um evento muito bom para a ITF, para os jogadores e para o público que vamos receber", destaca Eduardo Frick, gerente de esportes e eventos da Confederação Brasileira de Tênis (CBT).

O vencedor do confronto entre Brasil e Barbados irá se classificar para os Playoffs do Grupo Mundial, que será disputado no início do ano que vem. A equipe brasileira tem algumas novidades. A principal delas será a estreia do capitão Jaime Oncins, que defendeu o país por 11 anos na competição. E o novo treinador, em sua primeira convocação, dará a oportunidade para o jovem João Menezes (medalhista de ouro no Pan-Americano de Lima-2019) participar da equipe pela primeira vez, ao lado de Thiago Monteiro, Thiago Wild, Marcelo Melo e Bruno Soares.

Se juntarão aos treinamentos durante a semana em Criciúma dois jovens talentos do tênis brasileiro: Felipe Meligeni Alves, número 387 do ranking, que treina em Barcelona com o apoio da CBT, e Pedro Boscardin, catarinense que é o número 120 do ranking juvenil da ITF.

O time de Barbados também está convocado para o duelo. O capitão Damien Applewhaite contará com Darian King, principal jogador do país, juntamente com Haydn Lewis, atleta com 50 convocações para a Copa Davis, e Xavier Lawrence, jovem formado no circuito universitário norte-americano.

O confronto da Copa Davis é disputado em até cinco partidas, sendo dois jogos de simples na sexta-feira (13); e um de duplas no sábado (14), seguido pelas outras duas partidas de simples se necessário.

Foto: Divulgação

Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes