Envolvido com doping, ex-treinador do multicampeão olímpico Mo Farah é suspenso por 4 anos


A Agência Antidoping dos Estados Unidos (USADA) anunciou nesta segunda-feira (30) que Alberto Salazar, ex-treinador de atletas como Mo Farah (GBR), foi suspenso por violações ao código antidoping.

A decisão veio após uma batalha jurídica de dois anos realizada atrás das portas e de uma investigação de quatro anos feita pela USADA.

Segundo a USADA, Salazar foi suspenso pelas seguintes violações: administração de um método proibido, manipulação ou tentativa de manipulação de amostras de atletas para exames antidoping e tráfico ou tentativa de tráfico de testosterona.
Salazar comandava o projeto Nike Oregon Project, em Eugene (USA), e foi treinador de Farah, multicampeão olímpico, de 2011 até outubro de 2017. Na época, o britânico negou que o fim da parceria, já que as denúncias chegaram a USADA em março do mesmo ano.

Além de Salazar, o endocrinologista Geoffrey Brown, envolvido com o projeto, também foi suspenso por 4 anos.

Foto: Athletics Weekly

Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes