Isac pede dispensa da Seleção Brasileira de Vôlei



O central Isac, agenciado pela Pro Sports, anunciou na quinta-feira (4/8) o pedido dispensa da Seleção Brasileira de vôlei para se dedicar ao tratamento de sinais de degeneração discal com pequena protrusão. O jogador de 31 anos sentiu que teria de dar atenção total a essa condição médica agora, pois não haveria tempo de tratar antes de se apresentar para a temporada italiana 2022/2023. Assim, comunicou a decisão à comissão tecnica do Brasil, que entendeu e concordou com os argumentos do atleta.

Isac sofre com o desconforto desde 2016, mas controlava o incômodo com fisioterapia. A Seleção está em Saquarema para um período de treinamentos com foco no Campeonato Mundial, que acontecerá entre os dias 26 de agosto e 11 de setembro, na Polônia e na Eslovênia.

Vice-campeão mundial em 2018, na Itália, o brasileiro fará uma série de avaliações detalhadas para definir os próximos passos do tratamento. O objetivo é adquirir as melhores condições físicas para se apresentar à Lube Civitanova, da Itália, em uma temporada que promete exigir muito fisicamente do jogador.

Isac assinou um contrato de duas temporadas com a equipe e realizará o grande sonho de disputar um dos campeonatos de mais alto nível no mundo. A expectativa do atleta é de estar 100% em condições já para a primeira partida da temporada de clubes.

Foto: Divulgação/FIVB

Postar um comentário

To Top