Brasil goleia Peru por 6 a 0 no último jogo da fase de grupos da Copa América Feminina

Foto: Thais Magalhães/CBF

Nesta noite de quinta-feira (21), o Brasil goleou o Peru por 6 a 0 no último jogo da fase de grupos da Copa América Feminina. Os gols brasileiros foram marcados no primeiro tempo por Duda, antes do primeiro minuto de partida, Duda Sampaio, aos 17, Geyse, aos 41, e Duda Santos, aos 44. Na segunda etapa, foi a vez de Fê Palermo, logo aos três minutos, e Adriana, de pênalti, ampliarem a goleada. 

Já classificada para as semis, a seleção brasileira entrou em campo com uma formação alternativa para preservar algumas atletas e dar rodagem para outras. Nesse contexto, as "Dudas" foram muito bem e aproveitaram a oportunidade contra as peruanas, que pouco conseguiram oferecer resistência a superioridade técnica, tática e física das brasileiras.

Com quatro vitórias em quatro partidas, o Brasil termina a fase de grupos com 17 gols marcados, nenhum sofrido e mantém sua tradição como a seleção mais forte da América do Sul. Avançando como primeiro colocado do grupo B, o time de Pia Sundhage enfrenta o Paraguai na semifinal. O jogo será na próxima terça-feira, às 21h, e o vencedor, além de se classificar para a final, já garante vaga para os Jogos Olímpicos de 2024, em Paris, e para a Copa do Mundo de 2023, que será realizada na Austrália e Nova Zelândia. 

A outra semifinal será disputada entre Colômbia, o time da casa, e Argentina, que se classificou após vencer a Venezuela hoje (21) por 1 a 0. 

Escalações

Foto: reprodução/@CopaAmerica

Foto: reprodução/@CopaAmerica


Código adsense convertido aqui

Postar um comentário

APOIE O SURTO OLÍMPICO EM PARIS 2024 Sabia que você pode ajudar a enviar duas correspondentes do Surto Olímpico para cobrir os Jogos Olímpicos de Paris 2024? Faça um pix para surtoolimpico@gmail.com e nos ajude a levar as jornalistas Natália Oliveira e Laura Leme para cobrir os jogos in loco! Composto por cinco editores e sete colaboradores, o Surto Olímpico trabalha desde 2011 para ser uma referência ao público dos esportes olímpicos, não apenas no Brasil, mas em todo o mundo. Apoie nosso trabalho! Contribua para a cobertura jornalística esportiva independente!
To Top