Brasil conquista mais seis medalhas no penúltimo dia de mundial de natação paralímpica




O Brasil continuou sua rotina de medalhas no penúltimo dia de disputas do mundial de natação paralímpica. A seleção brasileira conquistou seis medalhas na Ilha da Madeira (POR), onde o mundial está sendo disputado. 

O Brasil chegará ao dia derradeiro no terceiro posto graças ao ouro conquistado pelo revezamento 4x100m livre 49 pontos, para atletas com deficiência visual formado por Matheus Rheine, Douglas Matera, Lucilene Sousa e Carol Santiago. Além desta conquista, o país também foi ao topo do pódio nesta sexta com o mineiro Gabriel Araújo, o Gabrielzinho, nos 50m costas. O dia também reservou uma prata para José Ronaldo da Silva, nos 50m costas da classe S1, e três bronzes: revezamento 4x100m medley S14 (deficiência intelectual) formado por Ana Karolina Soares, João Pedro Brutos, Gabriel Bandeira e Débora Carneiro, Mariana Gesteira nos 100m costas (S9) e Phelipe Rodrigues nos 100m livre (S10). Com exceção de Phelipe, os demais medalhistas em provas individuais desta sexta debutaram na Ilha da Madeira em Campeonatos Mundiais.

“Terceira vez, terceiro ouro. Prova muito difícil, consegui fazer tudo perfeito, encaixar o nado, mas é o que eu sempre digo, quando eu estou na frente, não deixo ninguém me pegar mais. Fico muito feliz com essa prova, e fecho o Mundial de forma perfeita. Falo que foi perfeito para mim esse Mundial”, celebrou Gabrielzinho, que voltará para casa com ouro também nos 200m livre e nos 100m costas.

Após o penúltimo dia de provas, nesta sexta-feira, 17, no Complexo de Piscinas Olímpicas, em Funchal, o Brasil ocupa a terceira colocação no quadro de medalhas, com 17 ouros, nove pratas e 21 bronzes, totalizando 47 medalhas. A liderança permanece com a Itália, com 22 ouros, 18 pratas e 13 bronzes (total de 53). Na vice-liderança estão os Estados Unidos, com 18 ouros, sete pratas e seis bronzes, 31 no total. A Grã-Bretanha é a única nação que pode tirar o Brasil do terceiro lugar, visto que soma 16 ouros, 10 pratas e sete bronzes.


Sábado (18) será o último dia de competição em Portugal.


Foto: Ale Cabral/CPB


Postar um comentário

To Top