Iêda Guimarães conquista vaga para Tóquio 2020 no Pentatlo Moderno


A medalha não veio, mas Iêda Guimarães teve muitos motivos para comemorar: ela terminou em quarto lugar nos Jogos Pan-Americanos de Lima 2019 e se garantiu nas Olimpíadas de Tóquio.

Ela só pode perder a vaga se outras duas brasileiras conquistarem a vaga através do Campeonato Mundial ou entre as seis melhores do ranking classificatório.

Mariana Arceo Guiterrez levou mais um ouro para o México, mantendo a liderança alcançada já na segunda prova. Samantha Achterberg (USA) levou a prata e Leydi Laura Moya Lopez (CUB) faturou o bronze. As três também garantiram presença nos Jogos Olímpicos de Tóquio.

Atualizado às 21:30: Após certo atraso, o site oficial dos Jogos disponibilizou o resultado final. As outras brasileiras se saíram bem: Isabela Antonietto de Abreu terminou na sexta colocação e Priscila Santana Verissimo em 11º. A outra vaga olímpica destinada a atletas da América do Sul foi para Lourdes Marcela Cuaspud (ECU), que terminou na 13ª colocação.

Cada país pode levar até dois atletas por modalidade para os Jogos Olímpicos, mas o Pan-Americano só disponibilizava uma vaga por país. São duas vagas para América do Sul, duas vagas para a América do Norte/Central e uma quinta vaga para o melhor atleta ainda não-classificado. O mesmo esquema será usado na competição masculino, a ser disputada neste sábado.

Foto: Alexandre Massi / COB

Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes