Arhur Nory admite não estar 100% fisicamente e revela foco na competição por equipes no mundial

O ginasta Arthur Nory admitiu em entrevista ao site globoesporte.com que não está 100% fisicamente para a disputa do mundial de ginástica, que será disputado a partir do dia 25 em Doha (QAT) e que seu foco é ajudar o Brasil se manter no top 8 da competição por equipes:

" Não estou 100%, mas estou aqui pela minha equipe, pelo Brasil. Vou contribuir com o máximo que eu posso, principalmente nas séries que posso fazer bem executadas, buscar a postura, a alegria e trazer esse clima forte do Brasil. Minhas expectativas não estão do jeito que eu queria, mas no que eu puder ajudar a equipe vai ser ótimo " 

Nory vem de uma cirurgia no ombro direito após o mundial de 2017, e já tinha se recuperado da operação quando sofreu uma queda no campeonato brasileiro em agosto que lesionou o mesmo ombro direito e o cotovelo esquerdo, o fazendo diminuir o ritmo de treinos até o mundial. 

"Minha preparação não foi o suficiente que eu gostaria, mas é o que tem para hoje. Sendo realista, vendo as notas de partida, as minhas condições físicas, resistência e tudo, não estou com expectativa de finais. Vim para fazer uma boa competição e vou fazer pensando realmente na equipe, pensando em fazer o mais bem executado possível. Minhas dificuldades baixaram muito para que eu consiga terminar minhas séries bem limpas, redondinhas. Vai sair um bom resultado. Estou sem muita cobrança."

Nory deverá se apresentar nas provas do solo, barra fixa e no salto no início das competições na sexta (25). Além dele, o país vai contar com Arthur Zanetti, Francisco Barretto, Caio Souza e Lucas Bitencourt. Leonardo Souza é o reserva.


Foto: Ricardo Bufolin/ CBG

Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes