Federação de Halterofilismo da Malásia confirma que atleta falhou teste anti-doping antes de Gold Coast 2018

A federação de levantamento de peso da Malásia confirmou que um dos atletas do país não passou no teste anti-doping realizado antes de Gold Coast 2018.

O Conselho Olímpico da Malásia (OCM) disse no início da semana que ainda está aguardando um pronunciamento oficial de um atleta que ganhou um bronze nos Jogos da Commonwealth por ter violado as regras anti-doping.

O nome do atleta e esporte envolvido não foi divulgado.

Se for um halterofilista medalhista de bronze o único que se encaixa nesse quesito é Muhamad Fazrul Azrie Mohdad, o terceiro colocado na categoria masculina de 85 quilos.

No entanto não foi confirmado se Muhamad é mesmo o atleta.
De acordo com o Daily Express, o secretário interino da MWF, Abu Hanapah Ismail, disse que o atleta testou positivo para o esteroide anabolizante stanozolol e pediu que sua amostra B fosse testada.

Ele acrescentou que, se a amostra B também for positiva, o MWF escreverá oficialmente ao OCM, à Federação Internacional de Halterofilismo e à Federação dos Jogos da Commonwealth para informá-los sobre o assunto antes de tomar outras medidas.

Segundo o New Straits Times, Ismail teria dito que o atleta foi provisoriamente suspenso de todas as atividades esportivas com efeito imediato e enfrentará uma suspensão máxima de até quatro anos se for considerado culpado.

Foto:MWF

Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes