China diz que suspensão de torneios pela WTA tem motivação politica


A China disse nesta quinta-feira (2) que a atitude da Associação de Tenistas Profissionais (WTA) de suspender os torneios no país tem motivação política.

O porta voz do ministério das relações internacionais, Wang Wenbin, disse nesta quinta-feira (2) aos repórteres que o país é firmemente contra a politização do esporte.

No dia 2 de novembro, quando a tenista Peng Shuai publicou que teria sido vitima de assédio sexual de um dirigente do alto escalão chinês e rapidamente a mensagem foi deletada., o que causou um incidente grave no meio esportivo. Nas redes sociais a hashtag #WhereisPengShuai ficou entre os mais populares dos trends topics

A decisão da WTA recebeu apoio de toda a comunidade do tênis, como o das ex-tenistas Martina Navratilova e Billie Jean King, e nomes também do tênis masculino, como do sérvio Novak Djokovic. Ela também serviu para pressionar as outras federações mundiais a tomar a mesma atitude.

O editor do Global Times, jornal pertencente ao estado chinês, Hu Xijin, criticou a WTA, dizendo que "estã coagindo a Shuai a ajudar o Ocidente a atacar o sistema chinês" e "querem privar a tenista de sua liberdade de expressão para que a sua situação seja igual as sua expectativas."

Foto: Diuvlgação

Postar um comentário

To Top