Soares e Murray perdem e Brasil fica sem tenistas profissionais em Roland Garros - Surto Olímpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Pesquisar:

Últimas Notícias

Soares e Murray perdem e Brasil fica sem tenistas profissionais em Roland Garros

Compartilhe

O Brasil está fora da segunda semana de Roland Garros, entre as chaves profissionais do torneio. Bruno Soares, último tenista do país que ainda estava na disputa, perdeu neste sábado (5), ao lado de seu parceiro britânico Jamie Murray, dando adeus ao evento. Eles foram eliminados por Kevin Krawietz e Horia Tecau por 2 sets a 1, 6-3, 3-6 e 6-3, em 1h37 de jogo.

Agora o Brasil só terá representantes na chave masculina juvenil em Roland Garros: Pedro Boscardin Dias e João Victor Couto Loureiro. Vale lembrar que dois tenistas brasileiros precisaram desistir ao longo da primeira semana do Major parisiense. Luisa Stefani sequer fez sua estreia no torneio, devido uma apendicite e Thiago Monteiro, que além de simples, jogaria duplas, teve que abandonar o evento devido uma lesão de seu parceiro, o australiano John Millman.


O jogo

Apenas três quebras de serviço aconteceram na partida, duas para Krawietz e Tecau e uma para Soares e Murray. No caso da parceria do alemão com o romeno, vale destacar que os break points aproveitados foram antes da segunda metade das parciais vencidas, diferentemente da dupla do brasileiro com o britânico, que quebrou o saque dos adversários só no penúltimo game do segundo set.

Apesar das sete duplas-faltas cometidas ao longo da partida, Krawietz e Tecau dispararam sete aces e viram Soares e Murray apenas fazerem duplas-faltas (4). Sacando melhor, o alemão e o romeno mantiveram a vantagem confortável no placar e venceram 79 pontos, contra 72 de Soares e Murray.

A dupla do brasileiro pressionou no último game da terceira parcial, para tentar empatar o jogo, tiveram o break point, mas foi desperdiçado. Krawietz e Tecau confirmaram o saque e fecharam o set, garantindo vaga nas quartas de final em Paris, onde encaram os colombianos Juan Sebastian Cabal e Robert Farah.

Foto: Reprodução

Nenhum comentário:

Postar um comentário