Gabrielly Santos é aposta na marcha atlética brasileira - Surto Olimpico

Anúncio

Anúncio
Se inscreva em nosso canal!

Gabrielly Santos é aposta na marcha atlética brasileira

Compartilhe

A paranaense Gabrielly Cristina dos Santos, que representa a equipe da Prefeitura Municipal de Colombo (PR), surge como uma das maiores promessa da marcha atlética do País. Nascida em Curitiba, a 28 de julho de 2004, a marchadora soma conquistas importantes.

Ela é recordista brasileira sub-16 dos 3.000 m com 15:00.32, tempo obtido no dia 26 de julho de 2019, em Maringá (PR), e dos 3 km, com 15:21, tempo alcançado em 17 de março de 2019, na cidade de Balneário Camboriú (SC).

A atleta, orientada pelo treinador Sidmar Andrigheto Gielow, tem objetivos definidos. “Quero em 2021 brigar pelo pódio na Copa Brasil Caixa de Marcha Atlética e no Pan-Americano, além de conseguir vaga para o Mundial Sub-20”, disse a atleta, campeã brasileira sub-16 de 2018 e de 2019, entre muitos outros títulos.

“Eu comecei no atletismo em 2015, quando estava passeando no Bosque da Uva, e o Sidmar me chamou pra ir treinar. No início fazia lançamento do disco, mas depois tentei a marcha e me destaquei. No começo não gostava muito, mas depois fui pegando gosto”, comentou.

“A Gabrielly está bem. No início da pandemia tivemos um período de isolamento em nosso município, onde por seis semanas treinamos em casa. Após essa fase voltamos com treinos presenciais com quantidade reduzida de atletas”, lembrou o treinador. “Ela vem apresentando bom desempenho nos treinos. E estamos ansiosos pelo retorno das competições.”

Sidmar conta que tinha planos para 2020. “Tínhamos algumas metas para este ano, como a conquista de medalhas no Brasileiro e no Sul-Americano Sub-18. Fomos ao Sul-Americano de Marcha Atlética, onde ficou em quinto lugar nos 10 km Sub-20, em Lima, no Peru, com 53:08”, disse. “A Gabrielly é uma atleta que tem uma capacidade de treino muito boa, é muito esforçada e um talento nato. Sonhamos juntos com a busca por boas marcas a nível mundial e a conquista de uma bolsa de estudos em uma instituição de ensino internacional”, concluiu.

Foto: Wagner Carmo/CBAt

Nenhum comentário:

Postar um comentário