Roland Garros 2019 - Dia 13


Foram disputadas as semifinais em Roland Garros, em que foram conhecidas as finalistas na chave feminina e o primeiro finalista da chave masculina.

A semifinal entre a australiana Ashleigh Barty e a americana Amanda Anisimova foi disputada na quadra Suzanne-Lenglen e foi uma verdadeira gangorra nos dois primeiros sets. No primeiro set, Barty vencia por 5-0, mas Anisimova conseguiu uma recuperação fantástica, vencendo seis games seguidos e levando a decisão do set para o tiebreak, em que a americana levou a melhor, vencendo por 7-4. 

Já o segundo set, foi a vez da Anisimova abrir 3-0 e a Barty conseguir uma grande recuperação, vencendo seis games seguidos e fechando o set por 6-3. Já no terceiro set, a australiana venceu quatro games seguidos, mas não bobeou e venceu o set decisivo por 6-3, conquistando a vaga para a decisão.

A semifinal entre a britânica Johanna Konta e a tcheca Marketa Vondrousova foi disputada na quadra Simone-Mathieu. No primeiro set, Konta chegou a estar liderando por 5-3 e chegou a ter três set points, mas Vondrousova se recuperou, vencendo quatro games seguidos e fechando o set por 7-5. No segundo set, houve uma quebra de saque para cada lado e acabou indo para o tiebreak, em a tcheca foi mais agressiva e fechou por 7-2, carimbando o passaporte para a final.

Barty e Vondrousova se enfrentaram duas vezes na história, com vitórias da australiana, porém este será o primeiro confronto no saibro. Barty já garantiu o melhor ranking da carreira, atingindo o terceiro lugar e será segunda do ranking em caso de título. Vondrousova também já garantiu o melhor ranking, em 16° lugar, e será número 11 do mundo em caso de conquista.

A primeira semifinal masculina, disputada na quadra Philippe-Chatrier, foi o tão aguardado confronto entre o suíço Roger Federer e o espanhol Rafael Nadal, o 39° da história e certamente a partida mais esperada do torneio. Após 2 horas e 25 minutos de partida, o rei do saibro fez valer o seu favoritismo e venceu por 3 a 0, parciais de 6-3, 6-4 e 6-2. Nadal, que conquistou o 24° triunfo sobre Federer, quebrou uma sequência de cinco derrotas seguidas sobre o suíço.

A segunda semifinal, também disputada na Chatrier, envolve o sérvio Novak Djokovic e o austríaco Dominic Thiem, que venceu o primeiro set por 6-2. Djokovic empatou a partida, vencendo o set seguinte por 6-3. No terceiro set, quando austríaco vencia por 3-1, a partida foi interrompida devido a chuva e será retomada neste sábado antes da final feminina.

Matheus Pucinelli na final de duplas da chave juvenil

O brasileiro Matheus Pucinelli e o argentino Thiago Agustin Tirante se garantiram na decisão da chaves de duplas masculinas do torneio juvenil, após atropelarem o tcheco Andrew Pauison e o ucraniano Eric Vanshelboim por 6-1 e 6-0, em apenas quarenta minutos de partida. Na final, eles enfrentarão o italiano Flavio Cobolli e o suíço Dominic Stephan Stricker.

Foto: FFT

Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes