Pego no antidoping em 2018, skatista Pedro Barros recebe punição retroativa de seis meses

O skatista Pedro Barros, um dos principais nomes do skate brasileiro, teve sua punição divulgada no último dia 22 por ser pego em um exame antidoping em 2018 por um derivado da maconha. O tribunal de justiça desportiva antidopagem (TJDAD) de  uma punição retroativa de seis meses ao atleta, ou seja, vale a partir da data do exame positivo - janeiro de 2018. As informações são do blog 'olhar olímpico'.

O julgamento gerou apreensão pois ele poderia ser punido por até 2 anos, ficando assim fora dos Jogos olímpicos de Tóquio. examinado no open de Itaguaí (SC) em janeiro, Pedro não recebeu a suspensão preventiva da ABCD e continuou a competir normalmente.

Ainda não foi divulgado se Pedro perderá os resultados no período da punição retroativa que ele competiu. Ele foi prata na etapa de São Paulo do circuito mundial de skate park no período. 


Com informações do blog olhar olímpico
Foto: Divulgação

Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes