Ex-top 10 do ranking da WTA, CoCo Vandeweghe admitiu depressão e cogitou abandonar a carreira


A tenista americana CoCo Vandeweghe, que já foi Top 10 do ranking mundial da WTA, tem vivido meses de verdadeiro inferno astral em sua carreira, com diversas lesões, que a fizeram deixar a lista do Top 100 do ranking mundial. A americana, que ainda não estreou na temporada 2019, confessou que em 2018 chegou até mesmo a pensar em abandonar a carreira.

“A temporada de 2018 foi horrível. Não havia nada que me motivasse, andei deprimida, triste e esgotada mentalmente por uma série de fatores. Isso foi estranho, tendo em conta que tinha acabado de sair do melhor ano da minha vida”, disse Vandeweghe ao "Tennis.com".

CoCo, que em 2018 ainda ganhou um Grand Slam, nas duplas femininas do US Open, admite ter jogado a segunda metade da temporada de forma limitada. “Talvez devesse ter parado e não pioraria a minha lesão. Mas quem me pode acusar de ter competido na segunda metade de 2018 quando ganhei um Grand Slam? É certo que não foi de simples, mas foi muito importante”, afirmou a americana.

Foto: Reuters

Postar um comentário

Copyright © Surto Olimpico. Designed by OddThemes